Prefeito José Ronaldo autoriza licitação para modernizar iluminação pública de Feira de Santana; concessão tem prazo de 25 anos e estimativa de R$ 100 milhões de investimento

Prefeito José Ronaldo anuncia licitação para contratação de PPP da iluminação pública.

Prefeito José Ronaldo anuncia licitação para contratação de PPP da iluminação pública.

O prefeito José Ronaldo de Carvalho autorizou o Departamento de Licitação e Contratos da Prefeitura Municipal de Feira de Santana a abrir o processo licitatório internacional que vai definir a empresa que vai explorar, durante 35 anos, a implantação de uma nova tecnologia na iluminação pública de Feira de Santana, substituindo os 52.085 pontos de luz servidos por lâmpadas tradicionais, por lâmpadas LED ( Light Emitter Diode).

A estimativa de investimento através de Parceria Público-Privada (PPP) é de R$ 100 milhões, e deve ocorrer nos três primeiros anos do contrato, sendo que 50% do valor deve ser investido nos dois primeiros anos e os 50% remanescentes deve ser investido no terceiro ano do contrato.

A modernização da iluminação pública não contempla o sistema de fios elétricos e cabos de voz e dados subterrâneos, revelou o secretário de planejamento Carlos Brito. As fiações aéreas que transpassam nos postes continuam expostas, contribuindo para poluição visual e, em alguns casos, potencial acidente.

Publicação

A licitação será publicada no Diário Oficial do Município e nos maiores jornais de circulação do país, por se tratar de uma licitação internacional, vai ao encontro da política de sustentabilidade implementada pelo Governo José Ronaldo, considerado um item fundamental, tanto pelas empresas privadas quanto pelo setor público.

Para se ter uma ideia do custo benefício para os cofres do Município e do ecossistema, uma lâmpada LED tem garantia de dez anos de durabilidade, amplia as condições de segurança pública da cidade, e, eventualmente,  manifestando algum defeito, dentro deste prazo, a empresa responsável pela fabricação, por força contratual, se obriga a fazer a reposição sem nenhum ônus adicional ao contratante, relatou José Ronaldo.

Além disso, uma luminária com tecnologia dos diodos emissores de luz é capaz de evitar a emissão de 0,4 toneladas de dióxido de carbono na atmosfera. Multiplique isso por milhares de pontos de luz em uma cidade e chegará a um montante significativo de gases que deixam de poluir nosso planeta, explicou José Ronaldo.

Ainda sobre esse tema, sabe-se que a iluminação pública é responsável por 25% das emissões de CO2 e que, por isso, a opção dos LEDs se mostra não apenas a mais barata, mas a que menos agride o meio-ambiente pontuou o prefeito.

José Ronaldo exultou a aprovação deste projeto pela Câmara de Municipal, enaltecendo o fato de Feira de Santana vir a ser  a cidade mais bem iluminada do Brasil, superando Belo Horizonte, onde apenas 30% do projeto foram concluídos”.

O ato, ocorrido na segunda-feira (15/05/2017) no Gabinete do Prefeito, no Paço Municipal Maria Quitéria, contou com as presenças do vice-prefeito Colbert Martins, secretários municipais e representantes da Câmara Municipal.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]