MAP sedia o I Miss Afro de Feira de Santana

A promoção do concurso foi do grupo cultural MoviAfro com o apoio do Governo Municipal.

A promoção do concurso foi do grupo cultural MoviAfro com o apoio do Governo Municipal.

O Mercado de Arte Popular (MAP) sediou o I Miss Afro de Feira de Santana. A candidata Thayllane Chave levou o principal prêmio da noite ao lado de Luyla Santana, segunda colocada no concurso, e Izadora do Carmo, 3° lugar.

O título de miss simpatia foi dado para Christina Conceição. Na primeira edição, doze finalistas disputaram o concurso após seleção que envolveu 49 concorrentes em duas etapas eliminatórias (em 24 de maio e 12 de abril).

O coordenador do MoviAfro, Val Conceição, explicou que a iniciativa do concurso busca estimular o empoderamento, a autoestima, a auto aceitação e o enfrentamento ao feminicídio.

Apresentações de shows, como do grupo de Orquestra de Berimbaus, animaram o público no MAP e evidenciou a valorização da cultura afro em nosso município, reunindo jovens representantes de diversas comunidades de Feira de Santana.

Como premiação simbólica, de acordo com a organização, as três melhores colocadas receberão valores de R$ 200 (3º lugar), R$ 400 (2º lugar) e R$ 600 (1º lugar).

A promoção foi do grupo cultural MoviAfro com o apoio do Governo Municipal, através do Departamento de Turismo da Secretaria Municipal do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico (SETTDEC), da Associação dos Artesãos do Mercado de Arte e do Bloco Afro Império Africano.

Formação

O Miss Afro conta ainda com diversas atividades de formação, a exemplo de rodas de conversa sobre racismo e enfrentamento à violência contra a mulher.

Compartilhe e Comente

Faça uma doação ao JGB

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]