Deputado Robinson Almeida pede explicações à Casa Civil do Governo Temer sobre “nova nomeação de babá de Michelzinho”

Robinson Almeida: a sociedade precisa saber se a Babá de Michelzinho foi paga com dinheiro público.

Robinson Almeida: a sociedade precisa saber se a Babá de Michelzinho foi paga com dinheiro público.

O deputado federal Robinson Almeida (PT-BA) protocolou nesta terça-feira (30/05/2017) pedido de informações ao ministro da Casa Civil, Elizeu Padilha, sobre a nova nomeação de Leandra Brito, a servidora do Palácio do Planalto que trabalha como babá de Michelzinho, filho de 8 anos do presidente Michel Temer.

“A sociedade precisa saber se a Babá de Michelzinho foi paga com dinheiro público. Esse escândalo não caíra no esquecimento”, afirma o deputado Robinson. Nomeada anteriormente para exercer o cargo de assessora técnica no Gabinete-Adjunto de Informações em Apoio à Decisão do Gabinete Pessoal do Presidente da República (Gaia), Leandra agora é assessora técnica no gabinete pessoal de Temer, segundo o Diário Oficial da União do último dia 25.  Robinson Almeida questiona a Elizeu Padilha quando a servidora foi nomeada na Presidência da República, para quais cargos e quais suas atribuições.

Confira vídeo

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

Publicidade

Publicidade

+ Publicações >>>>>>>>>

Manchete

Colunistas e Artigos

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518), Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia (SINJORBA), Associação Brasileira de Imprensa (ABI Nacional, Matrícula nº E-002907) e Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia).