Greve geral foi tiro que saiu pela culatra, diz deputado José Carlos Aleluia

Protesto durante Greve Geral em Feira de Santana.

Protesto durante Greve Geral em Feira de Santana.

“O povo brasileiro não foi na onda dos pelegos. A greve geral foi um tiro que saiu pela culatra”, afirma o deputado federal José Carlos Aleluia, ao comentar os protestos organizados pelas centrais sindicais na última sexta-feira (28/04/2017). Para ele, o que se viu foi uma brutal demonstração de incompetência política com tentativas de impedir o direito de ir e vir dos cidadãos. “O desfecho deste fiasco sindical foram os abomináveis atos de violência, repudiados pela grande maioria da população”.

Na avaliação de Aleluia, o propósito do movimento não foi defender os interesses do povo brasileiro, mas os daqueles que vivem à custa do imposto sindical, que deixa de ser obrigatório no projeto da Reforma Trabalhista, aprovado pela Câmara Federal. “A farra está em seu capítulo final e o desespero bateu na porta dos pelegos, que não vão ter mais a boa vida financiada pelos trabalhadores e empreendedores”.

Com a reforma trabalhista, segundo Aleluia, só vão sobreviver os sindicatos eficientes que defendam verdadeiramente os direitos de seus representados. “Não tem cabimento a existências de mais de 11 mil entidades sindicais de trabalhadores e patrões como acontece hoje no Brasil. Está na hora de nosso país entrar no Século XXI e abolir uma legislação trabalhista de um tempo ditatorial”.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]