Governador Rui Costa destacou simplicidade da ex-primeira-dama Marisa Letícia

Velório de dona Marisa Letícia no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

Velório de dona Marisa Letícia no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

O governador Rui Costa lamentou, na quinta-feira (02/02/2017), na Assembleia Legislativa da Bahia, o falecimento da ex-primeira dama do país, Marisa Letícia. Visivelmente emocionado, desejou “que ela descanse em paz e que Deus lhe permita que as memórias que carregue sejam as de orgulho” pelo bem que sua família fez ao Brasil. “Dona Marisa é o retrato de mãe, mulher e avó, que esteve ao lado da sua família e que foi e é perseguida por parte imprensa e parte do Judiciário”, disse. O governador telefonou para o ex-presidente Lula na terça-feira, “desejando força e energia, parabenizando pelos 30 anos junto à mulher que o amou profundamente e esteve e lutou ao seu lado até a morte”.

Marisa Letícia, garantiu, “sofreu ao lado dele (Lula) e leva o orgulho que teve do marido e da família por ter levado o Brasil para um caminho melhor”. Ela e Lula, qualificou, “ são símbolos de que é possível governar um país incluindo milhares e milhares de pessoas. São símbolos de simplicidade”. Rui Costa criticou “os dois anos de vida revirada” da ex-primeira dama e referiu-se ao caso dos pedalinhos, “que ela comprou para seus netos e foram exibidos em rede nacional de televisão como o grande bem ou grande mal que fez à Nação. Ela teve seu barquinho de latão de 2 metros de comprimento, que tinha para botar os netinhos e ver seus sorrisos, e que colocou em uma aguada, porque aquilo não é lago, é uma aguada”, exposto à opinião pública. Teve suas almofadas e lençóis revirados por aqueles que deveriam ter isenção e cuidar da instituições jurídicas do país com imparcialidade”.

O governador aproveitou a oportunidade para criticar a imprensa e parte do Poder Judiciário brasileiro. Desejou “uma imprensa livre, inclusive do poder econômico” e disse que espera do Brasil “uma lei que enxergue cada um de nós de forma igual, sem olhar se somos ricos ou pobres, nem nossa filiação partidária. Que juízes e membros de órgãos de investigação nos olhem como cidadãos brasileiros, sem levar em conta quanto tem na nossa conta bancária”, disse o governador.

Presidente da ALBA se solidarizou com a família do ex-presidente Lula

Consternou ao presidente Ângelo Coronel (PSD) o agravamento irreversível do quadro clínico de dona Marisa Letícia, esposa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que terá os órgãos doados por decisão famíliar. No início da reabertura dos trabalhos legislativos ele fez observar um minuto de silêncio, seguido de longos aplausos à primeira dama discreta, simples, companheira fiel do ex-presidente Lula por quase 40 anos. Solidário com o ex-presidente, seus filhos e netos, o presidente da Assembleia Legislativa, associou-se à dor sentida por todos os brasileiros, rogando a Deus que ofereça o conforto a todos os seus entes queridos, manifestando a sua certeza de que dona Marisa será lembrada como uma mulher corajosa, que o acompanhou em toda a sua vitoriosa trajetória, desde a luta sindical no ABC, quando o Partido dos Trabalhadores foi gestado – até a Presidência da República. Um exemplo de cidadã.

Para o deputado Ângelo Coronel a sensação de perda será indelével a todos seus entes queridos, restando o conforto do exemplo deixado, e da longa e prazerosa convivência familiar – com um legado de boas lembranças.

Encerrou, desejando, em nome do Legislativo, e de sua família, que o ex-presidente Lula tenha “força para resistir a mais esta provação do destino”, pois a ninguém é dado conhecer os desígnios divinos, que retirou precocemente de seu convívio a companheira, a esposa – mãe e avó de seus filhos e netos.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]