Feira de Santana: vereador Marcos Lima critica empresa de transporte público Rosa

Marcos Lima: Eu vou aqui nesta manhã falar da pouca vergonha da empresa Rosa, que chegou dizendo que ia resolver os problemas da cidade contratando ônibus novos para o nosso município, e aí está a situação que hoje vive a nossa cidade: ônibus apreendidos, levados de Feira de Santana.

Marcos Lima: Eu vou aqui nesta manhã falar da pouca vergonha da empresa Rosa, que chegou dizendo que ia resolver os problemas da cidade contratando ônibus novos para o nosso município, e aí está a situação que hoje vive a nossa cidade: ônibus apreendidos, levados de Feira de Santana.

Em discurso na tribuna da Casa da Cidadania, nesta quarta-feira (22/02/2017), o vereador Marcos Lima (PRP) repercutiu a situação dos ônibus apreendidos da empresa Rosa, que juntamente com a empresa São João, opera o sistema de transporte coletivo de Feira de Santana.

“Eu vou aqui nesta manhã falar da pouca vergonha da empresa Rosa, que chegou dizendo que ia resolver os problemas da cidade contratando ônibus novos para o nosso município, e aí está a situação que hoje vive a nossa cidade: ônibus apreendidos, levados de Feira de Santana, espalhados em vários cantos da nossa Bahia e outras cidades, e a empresa Rosa deixando à mercê os usuários do transporte público de Feira de Santana”, criticou.

Marcos Lima acrescentou: “se faz do transporte público o que querem. E eu estou falando, em especial da empresa Rosa, porque foi, até o momento, a empresa que não pagou os seus financiamentos e, certamente, a empresa fornecedora solicitou de volta os veículos”, disse o edil, afirmando que ainda não viu por parte da empresa Rosa uma providência para suprir a frota que foi apreendida. “É uma vergonha”.

Na oportunidade, o vereador cobrou passe livre no sistema de transporte coletivo urbano para os agentes voluntários de proteção ao menor, que, segundo Marcos Lima, não estão tendo gratuidade nos ônibus das empresas Rosa e São João.  “Já basta ter tirado o deficiente físico de transitar nos ônibus, já basta isso, e agora tiraram o direito dos agentes de proteção ao menor”, reclamou.

Em aparte, o líder do Governo na Câmara, vereador José Carneiro (PSDB), garantiu que “a Rosa nem nenhuma empresa em Feira de Santana fazem o que querem, porque nós temos um Governo sério, respeitado e comprometido com a cidade comandada pelo prefeito José Ronaldo”, pontuou.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]