Servidores de Madre de Deus reivindicam reajuste

Sede da Prefeitura Municipal de Madre de Deus. Gestão aumenta salários do primeiro escalão do governo e deixa servidores sem reajuste.

Sede da Prefeitura Municipal de Madre de Deus. Gestão aumenta salários do primeiro escalão do governo e deixa servidores sem reajuste.

Em assembleia geral realizada na segunda-feira (16/01/2017) na sede do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Madre de Deus (SINDIMADRE) foram definidos pontos da ‘Campanha Salarial 2017’.

Segundo a entidade, a princípio, a reivindicação é por um reajuste salarial de 14 %. “Esta é uma proposta inicial; mas alertamos à gestão municipal que em hipótese alguma aceitaremos um reajuste inferior ao que foi concedido ao prefeito; vereadores e primeiro escalão da Prefeitura, da ordem de 8 %”, afirma Amilton Pereira, presidente do Sindimadre

Além da reposição inflacionária, são pontos da ‘Campanha Salarial 2017’ a concessão de 30 % do reajuste de periculosidade para vigilantes; a sexta parte para os servidores com mais de 20 anos e a atualização da Referência e do Quinquênio, dentre outros pontos, explica a direção do sindicato.

O Sindimadre cita que, em dezembro de 2016, o prefeito Jeférson Andrade enviou uma proposição; aprovada pela Câmara Municipal; concedendo reajuste de 8 % ao próprio prefeito, secretários e vereadores. Mas, foram excluídos do ato os servidores públicos municipais. No dia 1 º de Fevereiro, a diretoria do Sindimadre terá uma reunião com representantes da Prefeitura. O tema será a Campanha Salarial 2017.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]