Deputado federal Antonio Lazaro nega que seja interlocutor do áudio gravado que circula na internet

Deputado federal Antonio Lazaro usa o nome de Deus em discurso político.

Deputado federal Antonio Lazaro usa o nome de Deus em discurso político.

Em vídeo, distribuído nas redes sociais nesta segunda-feira (05/12/2016), o deputado federal Antonio Lazaro (PSC/BA) diz que a imagem pública dele tem sido alvo de ataques, e que o áudio gravado por terceiros, que circula na internet, não tem a pessoa dele como interlocutor.

Justificando o posicionamento em votações da Câmara dos Deputados, o deputado aborda, também, o Caso Lava Jato.

Ao analisar o discurso, observa-se que Antonio Lazaro usa o nome de Deus para justificar as ações políticas, o que é considerado por religiosos como blasfêmia e ignomínia.

Confira vídeo

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518), Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia (SINJORBA), Associação Brasileira de Imprensa (ABI Nacional, Matrícula nº E-002907) e Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia).