Consumo desenfreado pode ser encarado como doença, afirma psicanalista

Quando o consumo ocorre sem necessidade e num ritmo desenfreado, isso pode indicar um problema mais grave: a compulsão.

Quando o consumo ocorre sem necessidade e num ritmo desenfreado, isso pode indicar um problema mais grave: a compulsão.

A simples notícia de que há um produto em promoção, uma queima de estoque ou venda de itens com avarias podem deixar alguns consumidores de olhos e orelhas em pé. Saldões como a Black Friday, que ocorrerá nas principais lojas físicas e virtuais nesta sexta-feira (25/11/2016), são momentos perfeitos para economizar dinheiro e comprar tudo mais barato, de uma só vez. O problema é que, quando o consumo ocorre sem necessidade e num ritmo desenfreado, isso pode indicar um problema mais grave: a compulsão.

Segundo a psicanalista e diretora do NitidaMente Instituto, Shirley Moraes, quando uma pessoa passa a comprar para preencher vazios e para se sentir plena, é sinal de perigo. “É como se esses indivíduos buscassem, nestes itens, soluções para aliviar estresse, ansiedade e carências pessoais. Como o consumo normal e o compulsivo se dividem em uma linha muito tênue, é comum que as pessoas não consigam detectar facilmente o problema e demorem a procurar por ajuda”, explica a especialista.

Na Black Friday, a atenção deve ser redobrada, já que os descontos tendem a atingir marcas de até 80%. Em meio a esse vendaval de promoções, Shirley dá algumas dicas, como pesquisar bastante os preços dos produtos antes de comprar, verificar se já não há outro item igual ou similar em casa em pleno funcionamento e limitar a quantidade de produtos adquiridos.

Um teste que pode ser útil nessa identificação, de acordo com Shirley, é tentar avaliar se o serviço ou produto é, de fato, necessário naquele momento, além de notar se aquele item era realmente importante ou supérfluo. “Buscar ajuda de terapeutas também é importante para avaliação e tratamento”, conclui.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]