Com R$ 67 bilhões de orçamento, FNDE passa a ser comandado por ex-secretário do governo de ACM Neto

Silvio Pinheiro envolvimento com o caso 'La Vue', rendeu nomeação em fundação milionária.

Silvio Pinheiro envolvimento com o caso ‘La Vue’, rendeu nomeação em fundação milionária.

Ex-secretário municipal Urbanismo do Município de Salvador (2015 – 2016), Silvio Pinheiro foi nomeado na quarta-feira (21/12/2016) para o comando do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), do Ministério da Educação. O órgão tem orçamento de R$ 67 bilhões definido para 2017, sendo responsável por captar e distribuir recursos financeiros a vários programas do Ensino Fundamental.

Segundo reportagem de João Pedro Pitombo, publicada na Folha de São Paulo, Silvio Pinheiro é filiado ao PSDB. Antes disso, fez parte dos quadros do Solidariedade na Bahia a convite do amigo e parceiro profissional Tiago Cedraz, membro da executiva nacional do partido.

Thiago Cedraz é filho do ministro do TCU (Tribunal de Contas da União), Aroldo Cedraz, e é investigado pela Operação Lava Jato por suspeita de recebimento de propina no esquema da Petrobras. Ele nega as acusações.

Considerado um dos auxiliares mais próximos do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), Sílvio Pinheiro foi responsável por liberar o alvará para construção do edifício ‘La Vue’, na Ladeira da Barra. O prédio esteve no centro de uma polêmica com o Iphan (Instituto do Patrimônio Artístico Nacional) que resultou na demissão do então ministro Geddel Vieira Lima (PMDB).

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Publicidade

Manchete

Colunistas e Artigos

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]