Manifesto assinado por 212 lideranças e representantes da magistratura apoia candidatura de Jayme de Oliveira para presidência da AMB e critica atual gestão

Manifesto 'Pelo resgate da AMB e pelo voto em Jayme de Oliveira'.

Manifesto ‘Pelo resgate da AMB e pelo voto em Jayme de Oliveira’.

Um manifesto assinado por 212 lideranças e representantes de diversos segmentos da Magistratura declarou apoio à candidatura de Jayme Martins de Oliveira Neto para presidência da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB).

No documento, os signatários inferem que é necessária mudança na atuação da AMB, e lamentam que as recentes gestões da entidade “desvalorizaram quem construiu o judiciário e a Magistratura”.

Os signatários do manifesto destacam que “os desafios estão colocados, diante de uma realidade que exige a renovação do compromisso com a Magistratura”, e que “os tempos são outros, sim, mas a AMB que Jayme de Oliveira idealiza tem a mesma convicção e compromisso de 67 anos atrás, compromissos que consagraram direitos e avanços da categoria”.

Confira o manifesto ‘Pelo resgate da AMB e pelo voto em Jayme de Oliveira’

Caros (as) colegas,

Este manifesto é, antes de tudo, uma declaração em favor de mudanças na atual gestão da AMB, em especial, de resgate da sua missão precípua. Esta entidade fez história em defesa do Magistrado e de suas prerrogativas. Ignorar isso é desrespeitar o seu compromisso histórico, que nasceu no dia IO de setembro de 1949 e a consagrou como a maior Associação de Magistrados das três Américas.

Por mais que os tempos sejam outros, os avanços tecnológicos e as novas gerações têm que estar alinhados com a vocação original de nossa entidade maior. E lamentável constatar que a atual gestão e seus seguidores romperam com essa missão, e assim pretendem continuar, em nome de uma suposta modernidade que rompe com o passado e, pior, desvaloriza quem construiu o judiciário e a Magistratura que somos hoje.

Os desafios estão colocados, diante de uma realidade que exige a renovação do compromisso com a Magistratura. Cada vez mais, a Classe precisa ser porta-voz de si mesma e do protagonismo da AMB vocacionada na defesa das prerrogativas, como defende o Juiz Jayme de Oliveira, candidato a presidente da AMB pela Chapa I.

As redes sociais também devem estar alinhadas com a presença, o apoio, o diálogo e a interlocução que marcam uma gestão democrática, participativa e dedicada às causas da Magistratura. Discursos pautados no marketing político ou midiático, em notas públicas em profusão, às vésperas de eleição, igualmente não são suficientes para fazer a defesa do Magistrado e enfrentar as ameaças que rondam seus direitos e garantias.

Queremos uma AMB da qual os Magistrados se sintam representados e que tenham orgulho de pertencimento a uma Classe comprometida com seus direitos, conquistas, com o aperfeiçoamento do Judiciário e a valorização da Magistratura. O maior beneficiário dessa idealização é a própria sociedade, que merece um Judiciário forte, independente e um ambiente mais justo, humano e democrático. Queremos uma AMB que não se esconda do Magistrado nem o exclua de suas principais decisões. Queremos uma AMB que pense e atue 24 horas por dia pela Magistratura. Os tempos são outros, sim, mas a AMB que Jayme de Oliveira idealiza tem a mesma convicção e compromisso de 67 anos atrás, que consagraram nossos direitos e avanços.

Queremos Jayme de Oliveira, da Chapa 1 (AMB Forte), na presidência da AMB.

Outras publicações

STF confirma decisão que determina prisão em segunda instância Sessão plenária do STF. O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu na sexta-feira (11/11/2016) confirmar a decisão em que validou a prisão de condenad...
Taxa de entrada em Morro de São Paulo deve ser extinta após ação do MP Morro de São Paulo. A Taxa de Preservação Ambiental (TAP) cobrada pelo Município de Cairu para entrada em Morro de São Paulo deve ser extinta após o...
A pedido do MPF, Justiça concede liminar que obriga o Conselho de Biblioteconomia a regularizar contratos trabalhistas Conselho Regional de Biblioteconomia da 5ª Região adotava regime de trabalho que viola a legislação federal para contratar servidores. A Justiça Feder...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br