Deputado José de Arimateia realiza ato de posse dos membros da Frente Parlamentar de Apoio ao Protagonismo Infanto-juvenil na Bahia

Deputado José de Arimateia ao lado dos membros empossados da Frente Parlamentar de Apoio ao Protagonismo Infanto-juvenil no Estado.

Deputado José de Arimateia ao lado dos membros empossados da Frente Parlamentar de Apoio ao Protagonismo Infanto-juvenil no Estado.

Ato de posse dos membros da Frente Parlamentar de Apoio ao Protagonismo Infanto-juvenil no Estado.

Ato de posse dos membros da Frente Parlamentar de Apoio ao Protagonismo Infanto-juvenil no Estado.

A Bahia já totaliza uma quantidade de 43 mil jovens que poderiam estar na aprendizagem. No entanto, pouco mais três mil vagas foram preenchidas. Preocupado com essa situação, o deputado estadual José de Arimateia (PRB-BA), que é presidente da Comissão de Defesa do Consumidor e Relações de Trabalho da Assembleia Legislativa da Bahia, realizou o ato de posse dos membros da Frente Parlamentar de Apoio ao Protagonismo Infanto-juvenil no Estado.

O deputado Arimateia explicou que a origem deste trabalho vem de dois meses atrás, quando a Comissão abriu as portas e deu voz a um movimento em defesa do Jovem Aprendiz que começava a se espalhar pelo Brasil. Ele ilustrou o panorama preocupante e arriscado para a juventude com o não cumprimento da Lei da Aprendizagem (10.097/2000) – determina que, pelo menos, cinco por cento do quadro de funcionários de empresas de médio e grande porte seja ocupado por jovens aprendizes. “Como defensor da juventude, me senti no dever de abraçar e dar corpo a esta iniciativa, focada na prevenção e eliminação do trabalho infantil indiscriminado e na qualificação dos jovens para o futuro ingresso no mercado de trabalho”, disse.

De acordo com informações do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) os jovens entre 14 e 24 anos são os mais afetados pelo desemprego. O órgão ainda detalhou que o número de desocupados cresceu de oito para 13,2%, somente entre 2015 e 2016.

O presidente da Associação Brasileira de Mantenedores de Escolas Técnicas (ABMET), José Martins, contou que a Lei de Aprendizagem vai completar 16 anos no próximo dia 20 de dezembro. Ele ainda falou do pouco avanço na inclusão do jovem no âmbito do mercado trabalho. “A Frente é o início de um novo ciclo. Ela surge para dar visibilidade a esta problemática, porque a sociedade civil precisa de uma vez por todas despertar para tudo isso. Tenho certeza que as empresas irão colher bons frutos com profissionais maduros, autoconfiantes, dispostos e gratos com a oportunidade”, explicou Martins.

No final da cerimônia, o deputado Arimateia convocou uma Audiência Pública para a próxima quarta (30), na Comissão de Defesa do Consumidor e Relações de Trabalho, para discutir de forma minuciosa os demais problemas e propostas de soluções para o Jovem aprendiz. “Buscamos, através da nossa contribuição gerar mais de 16 mil vagas de trabalho em todo Nordeste e quase três mil na Bahia”, enfatizou o parlamentar.

Outras publicações

Sessão Especial na Alba destaca avanços e desafios das pessoas com albinismo Cartaz da campanha 15 anos de albinismo. Em atenção aos 15 anos de fundação da Associação das Pessoas com Albinismo da Bahia (APALBA), o deputado es...
Hospital filantrópico Santa Casa de Oliveira dos Campinhos pode anunciar fechamento Santa Casa de Oliveira dos Campinhos, com 147 anos de funcionamento, pode comunicar, a qualquer momento, suspensão de todos os seus serviços diante d...
Liminar do STF suspende ações relativas a aumento para servidores do Legislativo da Bahia Ministro Teori Zavascki nega aumento do legislativo baiano. O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu o andamento de t...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br