Depoimentos em processo desmentem delação do criminoso confesso Delcídio do Amaral, diz advogado do ex-presidente Lula

Delcídio do Amaral Gómez foi cassado porque é um criminoso confesso, corresponsável por esquema de corrupção.

Delcídio do Amaral Gómez foi cassado porque é um criminoso confesso, corresponsável por esquema de corrupção.

Os advogados Cristiano Zanin Martins e Roberto Teixeira, responsáveis pela Defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, divulgaram nesta terça-feira uma nota pública em que analisam os depoimentos do ex-executivo da Petrobras Nestor Ceveró e de sua advogada. Os dois negaram ter recebido qualquer tipo de pressão por parte de Lula para direcionar sua delação premiada no âmbito da Operação Lava Jato.

Leia abaixo a íntegra da nota

“Os depoimentos colhidos na data de hoje (8/11/2016) na 10ª Vara Federal do DF desmentem, de forma inequívoca, a delação premiada do ex-senador Delcídio do Amaral quanto à denuncia de obstrução de Justiça envolvendo o ex-Presidente Luiz Inacio Lula da Silva.

Foram colhidos depoimentos de Nestor Cerveró, sua advogada e outras três pessoas, que negaram qualquer ação direta ou indireta de Lula com o intuito de impedir ou retardar a delação de Cerveró.

Diferentemente de versões já divulgadas pela mídia, Cerveró não disse que sua indicação para a diretoria da BR Distribuidora foi um ato de Lula como agradecimento por qualquer fato anterior. Ele confirmou que ‘ouviu dizer’ por terceiros esta versão, citando o nome de Sandro Tordin, ex-executivo do setor privado, que não tinha nenhuma relação com Lula.

Dessa forma, a audiência de hoje deixou claro que nosso cliente não praticou qualquer ato ilícito antes, durante ou depois do cargo de Presidente da República.

Outras publicações

Conexões baianas: preso na Lava Jato operacionalizou investimento de R$ 8 milhões em jornal da família de ACM Neto, cita revista Veja Nota da revista Veja cita relação Lava Jato, Braskem, Correio da Bahia e ACM Neto. A coluna Radar Online, publicada por Mauricio Lima na revista Vej...
Lula defende fim do monopólio dos meios de comunicação no Brasil O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu na noite de hoje (13/11/2009), em Osasco, ao participar da cerimônia de inauguração da nova sede da Re...
PF afirma que Marcelo Odebrecht usava codinomes para citar ex-presidente Lula Juiz federal Sérgio Fernando Moro. A Polícia Federal suspeita que o empresário Marcelo Odebrecht, preso na Operação Lava Jato, usava os codinomes “a...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br