Governo da Bahia implanta sistema de radiocomunicação Tetra para as forças policiais, em Feira de Santana

Governo da Bahia implanta sistema de radiocomunicação Tetra, para as forças policiais do Estado, em Feira de Santana.

Governo da Bahia implanta sistema de radiocomunicação Tetra, para as forças policiais do Estado, em Feira de Santana.

Para capacitar policiais de Feira de Santana a utilizarem a Rede Tetra (Terrestrial Trunked Radio), novo protocolo de comunicação digital da Secretaria da Segurança Pública (SSP), a Superintendência de Telecomunicações (Stelecom) promoveu, na quarta (05/10/2016) e  na quinta-feira (6), o Encontro de Implantação da Rede Tetra.

Direcionado para comandantes, chefes de unidades e integrantes das policias Civil, Militar e Técnica e do Corpo de Bombeiros que atuam na cidade, a instrução, com aulas teóricas e práticas, será ministrada no Feira Pálace Hotel e no auditório do 1º Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação (Beic) da Polícia Militar.

Oitenta pessoas serão capacitadas para operar o sistema e, segundo o superintende da Stelecom, tenente-coronel PM Antônio Carlos Silva Magalhães, elas atuarão como multiplicadoras da informação após o curso. “Este grupo será responsável por transmitir o conhecimento adquirido sobre a Rede Tetra em suas instituições”, enfatizou.

Magalhães ressaltou que a mudança do sistema analógico para o digital garante maior segurança na transmissão de conteúdos policiais, pois o sistema criptografa as mensagens. “Esses novos equipamentos facilitam nossa atividade. A transmissão poderá ser feita entre grandes distâncias e com maior nitidez”, declarou, acrescentando que a Rede Tetra “permite maior integração, controle e supervisão das comunicações policias”.

Uma das palestrantes, a coordenadora de gestão da qualidade da Stelecom, a capitã PM Daiane Micheline Costa, divulgará as doutrinas e procedimentos operacionais do sistema. Serão abordados, dentre outros assuntos, legislação da comunicação, sistema de comando e controle, sigilo de informação, conduta organizacional e prática de ocorrência.

Os atendentes do serviço 190 também receberão treinamento, “pois nosso interesse é melhorar o trabalho policial, diminuindo o tempo de resposta para a população”, garantiu a capitã.

Todas as informações trocadas através do sistema serão armazenadas. A rede garante ainda verificação do geoposicionamento de viaturas e a geração de ocorrência de forma online, possibilitando que sejam acessadas no Centro de Operações e Inteligência da SSP, em Salvador.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Facebook do JGB

Publicações relacionadas

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br