Governador Rui Costa reage a tentativa de criminalizar campanha eleitoral de 2014 e diz que age com retidão e com objetivo de orgulhar a história de vida e o povo baiano

Governador Rui Costa reafirma compromisso ético com a gestão pública e lamenta vinculação da campanha eleitoral de 2014 com investigação federal.

Governador Rui Costa reafirma compromisso ético com a gestão pública e lamenta vinculação da campanha eleitoral de 2014 com investigação federal.

Em decorrência de especulações sobre o possível envolvimento com as investigações federais concernentes a ação da Polícia Federal na Operação Hidra de Lerna, em depoimento gravado em vídeo e divulgado hoje (04/10/2016), o governador Rui Costa (PT) discorreu sobre a tentativa de criminalizar a campanha eleitoral de 2014. Na avaliação do governador, essa tentativa é decorrente do fato de que o trabalho realizado por ele incomoda.

Rui Costa segue afirmando que trabalha de forma incansável, com a finalidade de orgulhar a confiança que o povo depositou nele e que jamais faria qualquer coisa que comprometesse essa confiança. Ele lembra que a campanha eleitoral de 2014 deixou uma dívida de montante considerável e estranha os comentários divulgados pela mídia.

O governador finaliza o depoimento em vídeo dizendo que vai às ruas da Bahia realizar entregas de obras e serviços, e que atua com ética e retidão, objetivando valorizar o passado, através dos pais; o futuro, através dos filhos; e o presente, trabalhando de forma permanente pelo bem do povo que o elegeu.

Nota oficial

Além do vídeo, o Governo da Bahia emitiu uma nota afirmando desconhecer e estranhar vinculações do nome do governador Rui Costa com a investigação da Polícia Federal concernente a Operação Hydra de Lerna.

— O governador recebeu com estranheza e indignação a notícia, divulgada por alguns veículos de comunicação locais e nacionais, de que ele estaria sendo investigado pela Polícia Federal.

— O governador desconhece a investigação e informa que não tem qualquer tipo de informação sobre a operação deflagrada pela Polícia Federal.

Confira o teor nota ‘Rui desconhece investigação da PF’

O governador Rui Costa recebeu com estranheza e indignação a notícia, divulgada por alguns veículos de comunicação locais e nacionais, de que ele estaria sendo investigado pela Polícia Federal. O governador desconhece a investigação e informa que não tem qualquer tipo de informação sobre a operação deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (04/10/2016).  Também não houve qualquer procedimento legal nesse sentido.

Rui também garante que está à disposição da sociedade e das autoridades competentes para prestar os devidos esclarecimentos com máxima transparência sobre qualquer assunto. O governador aproveitou a oportunidade para destacar que as contas da sua campanha de 2014 foram aprovadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) por unanimidade, e que fez questão de deixar registradas todas as dívidas contraídas durante o processo eleitoral, não deixando débitos sem registro. O fato é inédito na história de campanhas eleitorais na Bahia.

Com relação à agência de publicidade Propeg que foi alvo da operação da PF, Rui ressaltou que nunca existiu nenhum tipo de relação pessoal ou profissional com a empresa.

Por fim, Rui disse estará atento a manobras que visem atingir a imagem política que vem consolidando com trabalho sério e árduo à frente do governo baiano. “Talvez a alta aceitação da nossa gestão incomode. No entanto, o trabalho e a intransigente defesa dos interesses da Bahia vão continuar. As pessoas que mais precisam têm pressa”.

Sobre o conteúdo da delação premiada referente à campanha eleitoral de 2014, o governador disse que não irá comentar, pois o assunto já foi devidamente tratado pela coordenação da campanha e pelo partido.

Operação Hidra de Lerna

A Operação Hidra de Lerna foi deflagrada pela Polícia Federal na terça-feira (04/10/2016) com a finalidade de investigar possível prática de financiamento ilegal de campanhas políticas na Bahia, através de esquemas de fraudes em licitações e contratos no Ministério das Cidades.

Confira o vídeo

Outras publicações

Eleições 2014 – Bahia | Presidente da Assembleia de Deus na Bahia dá apoio a Rui Costa e Otto Alencar Rui Costa, candidato do PT ao governo, seu vice João Leão e Otto Alencar, candidato ao senado, fizeram uma visita à sede da Igreja Assembléia de Deus...
Governo Rui Costa entrega equipamentos para lavanderias comunitárias de Salvador Governo Rui Costa entrega equipamento para lavanderias comunitárias, na Lavanderia Santa Luzia, no Engenho velho de Brotas, em Salvador. O trabalho ...
Governo do Estado lança edição 2014 da revista ‘Bahia, Terra de Todos Nós’ Robinson Almeida comemora lançamento da edição 2014 da Revista Terra de Todos Nós. A sétima edição da revista ‘Bahia, Terra de Todos Nós’, publicada...

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: diretor@jornalgrandebahia.com.br.