Feira de Santana recebe evento ‘Gestar, Dançar e Amar’

Ninar Bebê – gestação, parto e pós-parto juntamente com o grupo Andanças Circulares, preparou o evento 'Gestar, Dançar e Amar'.

Ninar Bebê – gestação, parto e pós-parto juntamente com o grupo Andanças Circulares, preparou o evento ‘Gestar, Dançar e Amar’.

Desde o primeiro momento da gestação, é preciso estar emocionalmente preparada para o parto. Esse processo é evolutivo e requer conhecimento, entrega e confiança para que o corpo e a mente da mulher se abram para o desconhecido. Pensando nisso, a Ninar Bebê – gestação, parto e pós-parto juntamente com o grupo Andanças Circulares, preparou o evento ‘Gestar, Dançar e Amar’, voltado para os futuros pais e mães, em Feira de Santana.

Na ocasião, haverá uma mesa de palestra para abordar os seguintes temas: “Plano de parto, intervenções e violência obstétrica”, “Fases clínicas do Parto”, “Os Hormônios e o parto”, “A Doula e a dor no parto” e “Parto Ativo”. Além disso, serão apresentados relatos de parto e danças circulares para aauxiliar as gestantes no período que antecede o parto.

Participarão do evento, representantes da Obstare, aa Clint – Clínica de Fisioterapia e do CPN (Centro de Parto Natural) Mansão do Caminho – Há cinco anos mudando a forma de nascer.

A programação será composta por uma vivência com as gestantes e seus acompanhantes, orientando-os para melhor viver o momento do parto, durante todo a vivência haverão danças circulares para que a gestante se conecte com seu corpo e traga leveza e movimento para a gestação, o tema central dessa vivência é a “Preparação para o parto” que será abordado de diversas formas incluindo a apresentação de documentário, rodas de discussão e relatos de partos em diferentes contextos: um hospitalar, um domiciliar após uma cesárea e um na casa de parto Mansão do caminho.

É essencial entender a fisiologia do parto, as fases do trabalho de parto e quais são os recursos possíveis para cada uma delas. Existem práticas recomendadas pela Organização Mundial de Saúde e evidências científicas para um nascer respeitoso e seguro. Saber que o parto é uma escolha da mulher e que ela é a protagonista desta história é decisivo para o caminho que essa mãe vai fazer até o pós-parto e o puerpério.

Pesquisas recentes apontam que a atuação da doula no trabalho de parto pode reduzir em 50% as taxas de cesárea, diminuir em 20% a duração do trabalho de parto, 60% o uso de anestesia, 40% o uso de ocitocina e 40% o uso de forcéps.

Das Realizadoras

Jucy Cordeiro é Doula, formada pelo GAMA em 2014, além de Educadora Perinatal e Facilitadora do Aleitamento Materno, pela Rede de Mulheres Amigas do Parto. Desde a sua gestação, no ano de 2011, Jucy mergulhou no universo do nascimento humanizado e durante esse processo percebeu a importância do papel desempenhado pela doula. Essa profissional orienta a mulher e vivencia, juntamente com ela e o bebê, todas as etapas até o nascimento. Para ela, o parto envolve dois indivíduos (mãe e bebê) que juntos atravessam um portal de luz e sombra, sendo expostos a sentimentos transformadores como amor e dor, para então descobrirem o novo significado para suas vidas.

Em sua formação, Jucy estudou também sobre a Psicologia Arquétipica da Gravidez e do Parto, curso avançado para doulas com a conceituada enfermeira obstetra Maíra Libertad, massagem para gestantes (Mami Zen), é terapeuta do Access consciousness (técnica que desbloqueia medos e crenças limitantes que podem causar distócia emocional no momento do parto) e agora em outubro irá disponibilizar o recurso de hipnose na gestação e parto para as gestantes que acompanha. Desta forma, constituiu-se uma profissional completa que pode assistir de diversas formas as gestantes e mães em seu caminho de desenvolvimento da maternagem.

Cibele Queiroz: Educadora, Terapeuta Transpessoal, Reikiana e Crânio Sacral, Focalizadora de Danças Circulares há 16 anos, atuando além dos trabalhos com grupos da 3ª idade, adultos, jovens, adolescentes e crianças também com rodas de danças circulares em grupos de gestantes,  mamães e papais com bebês de colo. Proporcionando através das danças circulares momentos de aconchego, relaxamento, construção, fortalecimento de vínculos, auto crescimento  espiritual, físico e emocional antes, durante e após a gestação.

Priscila Barreto: psicóloga sistêmica. A psicologia vai contribuir com espaço de escuta, com espaço para refletir acerca das emoções e mudanças envolvidas nesse período, refletir sobre a importância do afeto; espaço para troca de experiências e compartilhar dúvidas e sensações.

Agenda 

Data: 23 de outubro de 2016 (domingo)

Horário: Das 8h às 12h30, com intervalo para almoço e retorno a partir das 14h30 às 18h.

Local: Berçário e Creche Escola Catavento Rua Alto da Independência, nº258, Bairro Sim. Feira de Santana – Bahia.

Outras publicações

Uefs vacina policiais contra hepatite B O Programa de Vacinação Contra a Hepatite B da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) ampliou o público alvo, incluindo policiais do 1º Bata...
Secretário do Trabalho, Nilton Vasconcelos, participa da entrega de certificação no CETEB Na noite de ontem (15/12/2009) aconteceu no CETEB Áureo de Oliveira Filho a certificação de 157 alunos do Projeto Juventude Cidadã. O evento contou co...
Em Feira de Santana, pessoas são conduzidas pela PM à delegacia por porte ilegal de arma Dois menores são conduzidos à delegacia por porte ilegal de arma de fogo  Em poder do um revolver, calibre 38 contendo, seis cartuchos, A. L.S  e   E...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br