Eleições 2016 – Feira de Santana: Secretaria da Saúde de Feira de Santana emite nota sobre Operação Simão

Força-tarefa da Operação Simão.

Força-tarefa da Operação Simão.

No transcurso da Operação Simão, realizada pela Polícia Federal em Feira de Santana em atendimento ao requerimento do Ministério Público Eleitoral (MPE), foi identificado o possível uso do Sistema Único de Saúde (SUS) para finalidade de cooptação de eleitores do Município de Feira de Santana. Sobre esse fato, a Secretaria Municipal da Saúde de Feira de Santana emitiu nota na sexta-feira informando que não foi acionada pela PF ou pelo Ministério Público Eleitoral (MPE), além e negar o uso da estrutura para finalidade eleitoral.

Confira o teor da nota de esclarecimento

A Secretaria Municipal de Saúde vem através desta esclarecer que garante o acesso á saúde para todos os cidadãos através do Sistema Único de Saúde (SUS), como assegura a Constituição Federal, respeitando as diversidades de cor, raça, sexo e religião.

Notícia divulgada pela imprensa na manhã desta sexta-feira, 30, informa que investigações da Polícia Federal estariam sendo efetuadas referente a suspeitas de “intermediação de pacientes” em serviços municipais de saúde, por parte de um candidato a vereador.

Sobre o assunto, a Secretaria de Saúde do Município informa que não foi notificada oficialmente de absolutamente nada a respeito das prováveis suspeitas por parte da Polícia Federal, tampouco pelo Ministério Público Federal. Caso seja solicitada, garante total disponibilidade para que esses órgãos possam realizar todas as investigações necessárias.

A Secretaria Municipal de Saúde não compactua, em hipótese alguma, com o encaminhamento irregular de pacientes para prestação de serviços. Na SMS, todas as consultas e exames são agendados através do sistema de marcação, obedecendo-se a legislação em vigor. Se alguém adota conduta não autorizada, em dissonância com as normas-padrão, deve responder pelos seus atos nas competentes esferas de controle e fiscalização, inclusive internamente.

Com a responsabilidade, competência e respeito que temos com todos os cidadãos, nos colocamos a disposição dos órgãos investigadores, no objetivo comum de coibir quaisquer atos de ilicitude.

Operação Simão

A Operação Simão foi deflagrada na sexta-feira (30/09/2016) com a finalidade de apurar possíveis crimes eleitorais cometidos pelo candidato a vereador Pedro Rodrigues Costa (pastor Pedro, PSC) e o vereador, candidato à reeleição, Welligton Andrade de Jesus (PSDB). Segundo o Ministério Público Eleitoral (MPE), finalizado os procedimentos investigatórios, poderão ser propostas ações judiciais de dois tipos, criminal, com pedido de prisão; e ações eleitorais de natureza cível, com cassação de registro, ou cassação de diplomas se forem eleitos, além de pedido de inelegibilidade por oito anos.

Leia +

Eleições 2016 – Feira de Santana: pastor é representado na Justiça Eleitoral por captação ilícita de sufrágio, com uso do ‘Cadastro de Oração da Família Abrangendo Todas as Causas’

Operação Simão: Polícia Federal realiza ação de combate a crimes eleitorais em Feira de Santana

Eleições 2016 – Feira de Santana: candidatos a vereador Pastor Pedro e Welligton Andrade são conduzidos a depor na Polícia Federal por indício de crime eleitoral

Eleições 2016 – Feira de Santana: Secretaria da Saúde de Feira de Santana emite nota sobre Operação Simão

Eleições 2016 – Feira de Santana: promotor de justiça diz que Operação Simão será aprofundada em decorrência de crimes praticados no município e afirma existir teia criminosa

Outras publicações

Cidade Educadora tem aprovação da rede municipal de ensino de Feira de Santana O Programa Cidade Educadora tem registrado grande aceitação entre gestores, professores e pais de alunos da rede municipal de ensino de Feira de Santa...
Quatro homicídios são registrados em Feira de Santana neste fim de semana Foram registrados em Feira de Santana pela Policia, neste fim de semana, quatro homicídios. Além dos dois assassinatos na sexta-feira (05/02/2010), ma...
Feira de Santana: idoso é morto a facadas no bairro Queimadinha Um homem de aproximadamente 50 anos foi assassinado por volta das 6h desta segunda (01/04/2013) no bairro Queimadinha, em Feira de Santana. Geraldo Si...

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: diretor@jornalgrandebahia.com.br.