Coluna de Antônio José Larangeira de 11 de outubro de 2016

 Deputado Eduardo Salles declarou de que a proibição da vaquejada não alcançará a Bahia.

Deputado Eduardo Salles declarou de que a proibição da vaquejada não alcançará a Bahia.

 A gerente de marketing do Boulevard  Nadinne Matos, trazendo novidades para o mês da criança.

A gerente de marketing do Boulevard Nadinne Matos, trazendo novidades para o mês da criança.

O  médico oftalmologista Leo Mario Burke Galrão inaugura nova clinica hospital nos próximos dias.

O médico oftalmologista Leo Mario Burke Galrão inaugura nova clinica hospital nos próximos dias.

Vaquejada continua na Bahia

Tendo em vista o Supremo Tribunal Federal ter julgado inconstitucional a lei cearense 15.299/2013, que regulamentava os espetáculos de vaquejada no estado do Ceará, a Corte máxima do país, considerou a vaquejada uma prática ilegal, por, portanto, proibida. Por outro lado, o deputado Eduardo Sales afirmar de que “A lei existente na Bahia foi feita em parceria com a ABVAQ (Associação Brasileira de Vaquejada) e possui 13 artigos, que garantem a segurança e o bem-estar dos animais”.

A legislação baiana proíbe a participação em vaquejadas e cavalgadas de qualquer animal que possua ferimentos com sangramentos e de bois com chifres pontiagudos, que podem oferecer riscos aos competidores e cavalos, segundo consta.  “Existe uma lei na Bahia e ela está em vigor. A decisão do STF não afeta nosso Estado”, garante Eduardo Salles, garante o autor da lei baiana.

Enem na Uefs

 Universidade Estadual de Feira de Santana realizou, na tarde de quinta-feira última, mais um seminário para discutir o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) como instrumento de acesso e as implicações da adesão ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Desde maio, a Instituição, que encontra-se em processo de discussão para futura adesão ou não ao Sisu,vem promovendo encontros para conhecer e avaliar as experiências das universidades públicas baianas que optaram, parcial ou totalmente, pelo novo método de seleção de candidatos. Esteve presente ao evento a professora Janete dos Santos, servidora da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), que proferiu palestra sobre os aspectos positivos e negativos do novo sistema de acesso ao ensino superior.

Projetos Artísticos

Este ano, o Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), através de uma parceria com o Núcleo Regional de Educação, participou da realização da edição 2016 dos Projetos Artísticos e Culturais da Secretaria de Educação do Estado (SEC). O processo envolveu a formação dos professores articuladores dos projetos, através de oficinas preparatórias no Cuca; audições públicas com os resultados alcançados em cada linguagem; cessão de pauta nos espaços físicos do Cuca; e a participação das equipes na programação do Aberto do Cuca.Os projetos artísticos se caracterizam como eixos do processo educativo, propostos pelo Programa “Educar para Vencer” sobre as diferentes linguagens artísticas, como música, poesia, dança, teatro, coral, vídeo e patrimônio.

Recursos de campanha 

 Quem menos colocou recursos próprios na campanha para prefeito foi José Ronaldo (Democratas), que aportou R$ 74 mil (7,15%). Na outra ponta, quem mais colocou recursos próprios na campanha foi Jairo Carneiro (PP), com R$ 322 mil (98,17%). Zé Neto (PT) colocou R$ 162 mil (48,84%); Ângelo Almeida (PSB) investiu R$ 40 mil (40,82%). A campanha do prefeito reeleito teve doação de R$ 800 mil (77,38%) do Diretório Nacional do Democratas. O PSB fez doação de R$ 20 mil (20,41%) para a campanha de Ângelo, e o Psol doou R$ 15 mil (30,02%) para a campanha de Jhonatas Monteiro, que não doou nada para sua campanha. O PT e o PP não compareceram com recursos nas campanhas de Zé Neto e Jairo. (Informações do Blog Demais).

Mês das crianças

Para festejar o mês das crianças, o Boulevard Shopping trouxe a atração inédita de O Castelo das Bolinhas, que é formado de uma megaestrutura com 120 metros quadrados e mais de 300 mil bolinhas coloridas que rodeiam aquele equipamento de 6,5 metros de altura com escorregadores e tobogãs para a curtição de todas as idades. Capitaneando o acontecimento está a gerente de marketing Nadinne Matos.

Outras publicações

Confira a coluna de Antônio Larangeira de 30 de março de 2010 Na Feijoada do Larangeira do ano passado Sebastião Cunha e Satiko e Walter Pinheiro e Gel. Feijoada do Larangeira Para a concorrida Feijoada do Lar...
Coluna de Antônio José Larangeira de 19 de agosto de 2015 O repentista Bule Bule vem à Feira de Santana abrir festival de violeiros. Prefeito Jose Ronaldo de Carvalho vence mais uma pesquisa. Figuras...
Confira a coluna de Antônio José Larangeira de 21 de setembro de 2010 Avanço fabril  Dez novas industrias  estarão se instalando até o final do ano no Centro Industrial do Subaé, fato anunciado neste jornal dias atrás p...

Sobre o autor

Antonio José Larangeira
Antonio José Larangeira nasceu em 11 de janeiro de 1945, é natural de Santo Amaro da Purificação (BA), é formado em Administração, pela Faculdade Anísio Teixeira (FAT). Atua como jornalista profissional, com registro nº 514 (SINJORBA/FENAJ) e publica coluna diária nos jornais Grande Bahia, Pátria Latina e Tribuna da Bahia. E-mail: ajlarangeira2@hotmail.com.