Editorial: Tributo a Michael Jackson, uma ode a multiplicidade étnica da humanidade reverbera o desejo de um mundo melhor

Kartik Shah (Maati) e Nirali Kartik (Baani) produtores do vídeo ‘Michael Jackson Tribute - Heal The World - Child Prodigy Cover’.

Kartik Shah (Maati) e Nirali Kartik (Baani) produtores do vídeo ‘Michael Jackson Tribute – Heal The World – Child Prodigy Cover’.

Em decorrência dos festejos comemorativos do nascimento do cantor estadunidense Michael Jackson (Gary, 29 de agosto de 1958 — Los Angeles, 25 de junho de 2009), a dupla Kartik Shah e Nirali Kartik, cujo nome artístico é Maati Baani, produziu vídeo com a versão cover da música ‘Heal The World’. O vídeo musical foi intitulada ‘Michael Jackson Tribute – Heal The World – Child Prodigy Cover, por Maati Baani’.

Residentes na mais populosa cidade da Índia, Mumbai, a dupla Maati Baani, utilizando a internet, gravou trechos da música ‘Heal The World’ com diferentes crianças, residente em distintas cidades ao redor do mundo. Ao final do trabalho, emerge uma obra artística cuja mensagem da música de Michael Jackson reverbera com maior intensidade, expressando o desejo de um mundo melhor para raça humana, como observado no trecho a seguir:

“Think about the generations and they say — Pense sobre as gerações e elas dizem

We want to make it a better place — Nós queremos fazer deste mundo um lugar melhor

For our children — Para nossos filhos

And our children’s children — E para os filhos dos nossos filhos”

A estética do filme, as múltiplas etnias representadas através das crianças, o talento inerente a cada ser humano, as deficiências dos corpos e as mentes lúcidas, as vozes e os corpos criando música através de instrumentos reafirmam os elementos mais sublimes do espírito humano. Elementos sintetizados em frases da letra da canção de Michael Jackson:

“Há pessoas morrendo, Se você se importa o suficiente com a vida, Cure o mundo, Faça dele um lugar melhor, Para você e para mim, E para toda a raça humana”.

Ensina o escritor russo Fiódor Dostoiévski: “A alma é curada ao estar com crianças”. Tendo as crianças como cooprotagonistas da mensagem, o vídeo pode ser qualificado como uma ode a multiplicidade étnica da humanidade e a música um poema lírico que reflete o desejo de um mundo melhor.

Confira o vídeo

Outras publicações

Santo Amaro: Teatro Dona Canô celebra aniversário de 15 anos com música Fachada do Teatro Dona Canô, em Santo Amaro. O principal espaço cultural do território do Recôncavo Baiano está debutando! Na próxima quarta-feira (...
Onete Banzeiro realiza shows na ‘Caixa Cultural Salvador’ Dona Onete Banzeiro. A CAIXA Cultural traz pela primeira vez a Salvador, entre os dias 7 e 9 de outubro de 2016 (sexta-feira a domingo), shows de Do...
Adelmario Coelho apresenta show em Tanquinho Adelmario Coelho. O forrozeiro Adelmario Coelho se apresenta neste domingo (16/10/2016), na cidade de Tanquinho, interior da Bahia. A festa, Cavalga...

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: diretor@jornalgrandebahia.com.br.