Salvador: palestra sobre conservação e restauro será realizada no Pelourinho

Igreja do Pilar passa por restauração pelo IPAC.

Igreja do Pilar passa por restauração pelo IPAC.

A palestra O Pensamento da Conservação e Restauração de Bens Culturais é a próxima atividade do Centro de Documentação e Memória (Cedom), que acontece na quarta-feira (28/09/2016), às 14h, no número 29 da Rua Gregório de Mattos, no Pelourinho. A palestrante é a arquiteta e mestre em Conservação e Restauro pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), Lígia Larcher, técnica do quadro permanente do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC).

A palestra integra a programação comemorativa do Cinquentenário do IPAC que acontece até setembro de 2017, com ações e projetos anunciados a cada mês. O evento é gratuito e aberto a interessados nas áreas de arquitetura, urbanismo, arte, museologia, restauro, dentre outras.

“Vamos compartilhar conhecimentos acerca do pensamento da conservação e restauro, desde a sua gênese, passando pelos pensadores que deram forma e conteúdo à nossa maneira de pensar o patrimônio cultural e a sua preservação”, explica Larcher. Segundo ela, será um bate-papo de temas relativos à memória, à história e à arte. Lígia também é especializada em Conservação e Restauração e Monumentos e Conjuntos Históricos pela Ufba.

CURSOS e PALESTRAS – O Cedom/IPAC é referência na área de documentação e arquivos sobre o patrimônio cultural, desenvolvendo palestras, cursos e atividades educativas. O equipamento se responsabiliza pela custódia, conservação, processamento técnico e divulgação de textos, fotografias, vídeos, mapas, plantas arquitetônicas e publicações produzidas pelo IPAC ao longo de 50 anos. O Centro dispõe de 4,7 mil documentos, plantas baixas, projetos e cadastros arquitetônicos, mapas, croquis e esboços produzidos entre os anos de 1969 e 2016.

O Cedom/IPAC também tem um arquivo fotográfico com cerca de 150 mil imagens. Há fotos digitais e analógicas (impressas e negativas) em preto e branco e coloridas. Filmes, fotogramas, slides, reproduções antigas e álbuns complementam o conjunto. Além da Biblioteca Manuel Querino com 220 obras raras datadas dos séculos XVIII, XIX e XX.

Agenda

Quando: 28 de setembro de 2016, às 14h

Onde: Centro de Documentação e Memória (Cedom) do IPAC – Rua Gregório de Matos, nº 29 – Pelourinho, Centro Histórico de Salvador

Publicidade

Compartilhe e Comente

Facebook do JGB

Publicações relacionadas

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br