Ministro da Integração Nacional e presidente do TCU participam de plenária do CBHSF

Presidente do TCU, Aroldo Cedraz e o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho.

Presidente do TCU, Aroldo Cedraz e o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho.

O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, confirmou presença na reunião plenária do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF), que será realizada nesta quinta-feira, dia (15/09/2016), em Belo Horizonte (MG). A ida do parlamentar se dá em função das discussões de aprovação do Plano de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco, que envolve uma série de informações e prognósticos para uma gestão mais efetiva da bacia nos próximos dez anos. O encontro acontecerá no auditório do Hotel Othon Palace, localizado na Avenida Afonso Pena nº 1.050, Centro, a partir das 9 horas.

O estudo, finalizado depois de quase dois anos, teve investimentos da ordem de R$6,9 milhões pelo comitê federal, que apresentará o trabalho ao ministro na expectativa de auxiliar o governo federal no novo programa de revitalização – intitulado Novo Chico – anunciado em agosto pelo presidente Temer, envolvendo recursos iniciais de R$ 904 milhões.

O Plano desenvolvido pelo Comitê traz à tona problemas ocasionados tanto pela natureza (como a seca), quanto pelo uso humano (a poluição e o desmatamento) e propõe uma ação conjunta e solidária da bacia. Na avaliação do presidente do Comitê, Anivaldo Miranda, o documento detalha com profundidade e amplitude o cenário atual e as perspectivas para a bacia, o que fortalece o planejamento do CBHSF, garantindo maior alcance às suas ações. “Há no documento o prognóstico do crescimento do uso das águas, mas também o estudo sobre a capacidade de oferta, assim como a indicação de metas e objetivos para uma boa gestão dos recursos hídricos”, diz.

O documento será importante ainda no norteamento dos trabalhos do recém-criado Conselho Gestor da Revitalização, responsável por realizar ações permanentes e integradas de preservação, conservação e recuperação ambiental que visem o aproveitamento sustentável dos recursos naturais e a melhoria das condições socioambientais e da disponibilidade de água em quantidade e qualidade para os usos múltiplos.

Coordenado pela Casa Civil, o grupo é formado por representantes dos Ministérios da Integração Nacional, Agricultura, Fazenda, Minas e Energia, Planejamento, Ciência e Tecnologia, Meio Ambiente, Cidades, Desenvolvimento Agrário, governos dos estados inseridos na bacia do São Francisco, bem como do Comitê da Bacia Hidrográfica (CBHSF). Até o momento, duas reuniões da Câmara Técnica, que funciona como secretaria do Comitê Gestor, já foram realizadas na sede do MI, em Brasília. Outro encontro está previsto para acontecer no dia 20 de setembro, também na capital federal.

Outras publicações

PRB vota pela aprovação da MP que permite correção cambial de títulos do agronegócio Deputado Márcio Marinho, líder do PRB. A Câmara dos Deputados aprovou, nesta segunda-feira (29/08/2016), a Medida Provisória 725/16, que permite a e...
Governo quer conceder benefício fiscal para baratear conversor digital O governo estuda a possibilidade de conceder benefícios fiscais para que o conversor da TV digital possa ser produzido a preços competitivos em todo o...
Feira de Santana: Lagoa Grande é arborizada com 300 mudas 300 mudas de árvores foram plantadas no entorno da Lagoa Grande em Feira de Santana. Com mais de 95% das obras concluídas, a Lagoa Grande, em Feira ...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br