Governador Rui Costa anuncia núcleos de treinamento de canoagem em três cidades baianas

Esportistas olímpicos ao lado do governador Rui Costa.

Esportistas olímpicos ao lado do governador Rui Costa.

Menos de um mês após a conquista da medalha olímpica de prata pela dupla de canoístas baianos, Isaquias Queiroz e Erlon de Souza, a Bahia já se prepara para os próximos desafios no âmbito esportivo. A modalidade será ainda mais estimulada com a construção de três núcleos de treinamento de Canoagem, que vão ocupar, cada um, 500 metros quadrados, em terrenos nos municípios de Ubaitaba, Itacaré e Ubatã. As unidades são uma adaptação sugerida pelos próprios atletas para atender a demanda do esporte no interior do estado.

A informação foi anunciada pelo governador Rui Costa, na noite desta sexta-feira (02/09/2016), durante homenagem aos medalhistas olímpicos no Salão de Atos da Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). “O primeiro passo antes do Centro é espalhar o esporte com unidades mais simples e mais fáceis de serem mantidas a um custo menor. Prontamente atendi a vontade deles. O pedido é que repliquemos os espaços em cidades que hoje já são pólos consolidados. A gente quer estimular os jovens através do esporte. Quem sabe alguns se destacam e passam a servir de exemplo como esses dois atletas”, afirmou Rui, após entregar placa de homenagem aos canoístas.

De acordo com Isaquias Queiroz, as condições de treinamento que serão oferecidas pelos núcleos devem garantir o crescimento do esporte no país como celeiro de grandes competidores. “Hoje, se a gente reparar, a canoagem que conquistou os melhores resultados é a da Bahia, mas se olharmos direito vamos perceber que depois de mim e do Erlon não tem mais ninguém. Com os núcleos, quem gosta de canoagem vai ter a chance de melhorar e quem sabe conquistar muitas medalhas em mundiais ou jogos olímpicos”, destacou.

Os atletas ainda foram convidados a servirem de exemplo e incentivo em projetos sociais que estimulem o esporte em escolas públicas, tendo em troca o Bolsa Esporte como apoio para o desenvolvimento da carreira. Para Erlon, o esporte, independente da modalidade, é importante para garantir oportunidades de um futuro melhor para jovens carentes. “O esporte é transformador. Algumas histórias de grandes conquistas começam por ele. É através do esporte que sentimos que temos as ferramentas necessárias para realizar nossos sonhos”, ressaltou Erlon de Souza.

Outras publicações

Roda de conversa sobre a participação das lésbicas nos espaços de poder reuniu representantes dos principais movimentos de luta Roda de Conversa. Na tarde de ontem (25/08/2016), no auditório do Instituto de Artesanato Visconde de Mauá, no bairro do Pelourinho, foi realizada a...
Perini Challenger retoma tradição de torneio social de tênis Perini Open de Tênis ocorre em Salvador. Quatro anos após a última edição do Perini Open, a delicatessen retoma a tradição do premiado torneio baian...
APEB reivindica ao governador Jaques Wagner mudança nas regras dos honorários Jaques Wagner e Cléia Santos. A presidente da APEB  (Associação dos Procuradores do Estado da Bahia), Cléia Costa dos Santos, solicitou ao governado...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br