Festa “Masmorra da Rainha” reunirá fetichistas e amantes do BDSM em Salvador

Cartaz anuncia festa 'Masmorra da Rainha'

Cartaz anuncia festa ‘Masmorra da Rainha’

Liberte sua fantasia! É com essa ideia que a “Masmorra da Rainha”, festa fetichista com música eletrônica e apresentações temáticas BDSM, acontecerá pela primeira vez em Salvador, dia (30/09/2016), às 22 horas, no B23 Lounge. A ideia é reunir adeptos e simpatizantes de várias práticas e expressões eróticas, como Bondage e Disciplina (B/D), Dominação e submissão (D/S) e Sadismo e Masoquismo (S/M).

O evento que contará com um time de feras na programação musical: os dj´s Mauro Telefunksoul, Índio, Kerol Mansur, Humberto Moura e o Projeto BonnieClayde. Além disso, haverá a presença de dominadores de Salvador e São Paulo para realizar cinco performances: podolatria, dominatrix, bondage, shibari, spanking e wax play.

A festa pretende agregar toda a cultura BDSM, seja nas roupas, nos costumes e práticas de convívio e relacionamento entre os participantes, tornando-se um encontro de convivência entre fetichistas, BDSMers e simpatizantes. Uma das propostas da festa é o dresscode, incentivando assim o público a usar roupas temáticas, com referências sadomasoquistas, e fantasias de couro ou látex. O ingresso DressCode destina-se apenas a quem seguirá os trajes indicados: couro, látex, sadomasoquista, BDSM temático ou traje preto. Quem adquirir tal ingresso mas não estiver com o traje adequado, estará sujeito a cobrança da diferença para adentrar o espaço. Os demais devem adquirir o ingresso sem DressCode.

É importante salientar que na festa não será aceito escatologia, sexo ao vivo e tampouco o uso de entorpecentes. “Queremos reunir todas as tribos de uma maneira saudável e passar a fazer parte do calendário soteropolitano com uma edição mensal. A inspiração vem de eventos de fetiche de clubes estrangeiros”, afirma a organizadora Dominatrix Rainha Shekinah. É proibido fotografar na festa, assim como a entrada de menores de 18 anos.Comportamentos não consensuais acarretarão na retirada do evento.

Histórico

A apropriação com sentido erótico da categoria sadomasoquista tem se feito presente no Brasil desde pelo menos meados da década de 1980. Num primeiro momento, isso se dá por meio da produção de literatura erótica e pela comunicação de praticantes em revistas e classificados eróticos. Nos anos 2000, surge o Clube Dominna, que funcionou em local próprio entre 2004 e 2010, durante esse período surgiram outros espaços em São Paulo, como o Libens, que funcionou entre 2008-9, o projeto Luxúria que organiza festas fetichistas há cerca de seis anos na cidade e a Dungeon/Porão, festa que acontece com periodicidade quinzenal e depois mensal desde 2012. Estima-se um crescimento no setor de 63%, segundo a Associação Brasileira das Empresas do Mercado Erótico e Sensual

Serviço

Data: 30/09/2016 | Horário: 22h00

Local: B23 Lounge – Shopping Boulevard 161, Itaigara, Salvador

Outras publicações

SAEB promove leilão de veículo e bens móveis do Estado A partir desta segunda-feira (22/03/2010), estarão abertos à visitação dos interessados os 271 lotes de produtos do estado, que serão leiloados na sex...
Casa Militar apoia programa de interiorização de transplantes A Casa Militar do governador tem apoiado o programa de interiorização de transplantes da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab). Na madrugada desta sext...
Metrô: MPF/BA propõe ação de improbidade contra construtoras e funcionários da prefeitura de Salvador Irregularidades no processo licitatório e na execução das obras resultaram em um prejuízo de R$ 100 milhões a uma das mais importantes obras do sistem...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br