Deputados e senadores apontam falta de provas contra ex-presidente Lula; governistas apoiadores do golpe contestam

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva durante discurso sobre a denúncia do MPF contra ele e sua mulher Marisa Letícia por crimes de corrupção. Na foto: Lula e o prefeito de São Paulo Fernando Haddad, do lado de fora do hotel Jaraguá.

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva durante discurso sobre a denúncia do MPF contra ele e sua mulher Marisa Letícia por crimes de corrupção. 

O presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), disse na quinta-feira (15/09/2016) que prefere não “politizar” a denúncia apresentada pelo Ministério Público contra o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. Para Aécio, o jogo político, neste momento, não é “relevante”.

“O que eu percebo é que a resposta acaba caminhando para o jogo político. Isso é natural? É natural, mas é pouco relevante nesta hora. Então, eu não quero agravar ainda mais essa situação e deixar que o [ex-] presidente tenha tempo para responder àqueles que irão inquirí-lo daqui por diante, que é a justiça”, afirmou.

Aécio não quis avaliar a forma como o procurador-chefe da força-tarefa da Lava Jato, Deltan Dallagnol, divulgou para a imprensa os detalhes da denúncia. Mais cedo, em São Paulo, Lula acusou o procurador de fazer “pirotecnia” e tentar desgastar a sua imagem, além de não apresentar provas.

“Não tenho condições de fazer essa avaliação sobre a retórica do Ministério Público. Existem questões objetivas que foram ali tratadas e é sobre essas questões objetivas que o [ex-] presidente e sua defesa terão que se manifestar”, disse o senador.

Para o líder do PSDB no Senado, Paulo Bauer (SC), o ex-presidente Lula não conseguiu explicar os fatos de que é acusado e tentou se colocar “acima do bem e do mal”.

Bauer disse que, com esse comportamento, Lula reforça as denúncias. “Lula não respondeu, não explicou e, ao partir apenas para a crítica e para a autocomiseração, dá razão às denúncias, deixa claro que, para tudo o que foi mostrado pelo Ministério Público, não existem explicações ou defesa.”

No mesmo sentido, o líder do DEM, Ronaldo Caiado (GO) considerou o discurso do ex-presidente um atestado de culpa. “Lula atestou que há fundamento nas denúncias da força-tarefa da Lava Jato contra ele. Não conseguiu argumentar, nem rebater as denúncias e não apresentou qualquer defesa”, disse Caiado.

O  ex-presidente  Lula  falou  “com  o  coração”  e convenceu as pessoas de que é inocente, disse a  senadora Vanessa GrazziotinArquivo/Agência Brasil
Aliada do PT, a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) defendeu o ex-presidente e acusou os procuradores da Lava Jato de atuar politicamente e não apresentar provas de que Lula comandou um esquema de corrupção em seu governo.

“Aquilo [apresentação da denúncia pelos procuradores] foi um evento político. Porque prova mesmo de que ele era o chefe [do esquema], eles não apresentaram nenhuma”, afirmou Vanessa.

Na opinião da senadora, Lula falou hoje “com o coração” e convenceu as pessoas de que é inocente. “Ele falou para o Brasil e falou de forma sincera. Todo mundo achou que ele foi sincero.” Para Vanessa, as respostas às acusações foram dadas pelo advogado de Lula. “O advogado dele é que deu as respostas técnicas.”

Outras publicações

Decisão do juiz Sérgio Moro sobre denúncia contra ex-presidente Lula deve ser publicada nos próximos dias O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva durante discurso sobre a denúncia do MPF contra ele e sua mulher Marisa Letícia por crimes de ...
Dica de leitura: ‘A outra história da Lava-Jato’, de autoria de Paulo Moreira Leite Capa do livro 'A outra história da Lava-Jato'. Dois anos depois de escrever “A outra história do Mensalão”, o jornalista Paulo Moreira Leite publica...
Presidente Lula concede entrevista à Carta Maior: estamos provando que é possível fazer diferente Dizendo-se “um eterno sonhador”, o presidente Lula concedeu entrevista exclusiva ao portal Carta Maior, na qual faz uma profunda avaliação de seus doi...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br