A farsa das eleições e sua máscara democrática | Por Leonardo Pedreira

Leonardo Pedreira de Oliveira é estudante e concorre ao mandato de prefeito de Feira de Santana pelo PCO.

Leonardo Pedreira de Oliveira é estudante e concorre ao mandato de prefeito de Feira de Santana pelo PCO.

Que a Rede Globo é golpista nenhum de nós temos dúvida.

Que o DEM e o PMDB em Feira também com esta coligação desastrosa também o são, não é novidade.

Que todas as pesquisas até então divulgadas na TV Subaé realizadas pelo IBOPE são mentirosas e tendenciosas também não é notícia nova.

Não é de agora também a ausência de todos os debates que não seja o televiso pelo golpista, coronel, traidor do povo e defensor apenas da elite José Ronaldo de Carvalho.

Em todos os outros os espaços de discussão o mesmo inventou uma desculpa, com um hábito muito frequente, a mentira.

Dizer que as eleições são democráticas é de uma inocência gigantesca que de forma alguma devemos ter. Seria o mesmo que esperar apenas das eleições as soluções para o nosso futuro e nossas vidas até porque, a luta passa pelo dia a dia.

Fizemos e fazemos ainda uma campanha operária em que o tempo que nos foi dado para rádio e tv foram apenas 10s que não chega nem perto do alto valor do tempo do contato com a população nas ruas, nos bairros da periferia, na conversa com os feirantes, com os camelôs, com os artesãos, com os motoboys, com os trabalhadores nas fábricas, com os estudantes e em todos esses momentos observamos a farsa da pesquisa do IBOPE e da TV Subaé em determinar seu resultado como critério para composição dos nomes dos candidatos no debate que será transmitido pela mesma.

É mais um episódio – diria até que esperado – do golpe contra nós operários e representantes de partidos da esquerda revolucionária e socialista da nossa cidade, estado e país.

Mas uma coisa não podem tirar de nós, a nossa força, a nossa coragem e determinação em apresentar para nossa cidade um programa revolucionário que não apresenta ilusões mas, que defende fortemente que o controle de nossa cidade esteja nas mãos da maioria pobre e excluída durante tantos anos que são os trabalhadores da cidade e do campo, os sem teto, os desempregados, os sem-terra e os estudantes contrariando assim os interesses dos grupos capitalistas locais que vampirizam desde o início da história nossa cidade.

Nada disso é novidade mas, o que precisa ser novidade mesmo é a união de toda a classe operária e dos excluídos de nossa cidade contra este nomes e partidos que nos enganaram, nos exterminaram e que nos escravizam a décadas e expulsá-los de uma vez por todas dos espaço que devem por direito pertencer a todos os trabalhadores e trabalhadoras de Feira de Santana.

Vamos continuar a luta pela formação de um Governo dos trabalhadores, por um governo revolucionário na cidade de tantas lutas e histórias.

Todo poder aos feirenses!

*Leonardo Pedreira de Oliveira é estudante e concorre ao mandato de prefeito de Feira de Santana pelo PCO.

Outras publicações

Uefs inscreve para o seminário de iniciação científica A Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), através da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PPPG), informa à comunidade acadêmica que est...
Feira de Santana: publicização do HGCA foi alvo de debates na CDL Debate na CDL sobre publicização do HGCA. Deputada Graça Pimenta: conheci alguns hospitais como o Hospital do Subúrbio, que funcionam com a admin...
Sindfofs divulga resultado do 14º Concurso Feirense de Fotografias Ganhadores do 14 Concurso de Fotografias. O Sindicato dos Fotógrafos Profissionais de Feira de Santana (Sindfofs) divulgou na manhã desta terça-feir...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br