Senadora Lídice da Mata apresenta discurso em defesa da democracia e diz que impeachment é farsa parlamentar

Senadora Lídice da Mata pede eleição e acusa derrotados de 2014 de se unirem à mídia numa conspiração.

Senadora Lídice da Mata pede eleição e acusa derrotados de 2014 de se unirem à mídia numa conspiração.

Ao declarar a intenção de votar contra o impedimento de Dilma Rouseff, nesta terça-feira (30/08/2016), a senadora Lídice da Mata (PSB-BA) chamou o processo de “golpe” e “farsa parlamentar”, que teria começado em 2014, desde a reeleição da presidente afastada. Para a senadora, o impeachment é uma “opção pelo confronto e pelo radicalismo”. Ela voltou a defender a convocação de um plebiscito para consultar a população sobre a realização de eleições gerais antecipadas.

Lídice atribuiu o impeachment a um conluio entre técnicos do Tribunal de Contas da União (TCU) para a construção de uma tese; ao patrocínio da acusação pelo PSDB, derrotado nas urnas; à revanche política do ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha; à traição do presidente interino, Michel Temer; à deslealdade de ex-ministros do governo Dilma; e à grande mídia, que, segundo ela, agiria como “verdadeiro partido político”.

– Tudo isso temperado com uma pitada de constitucionalidade. Com a rigorosa observação dos ritos, dos prazos, das formalidades da lei, das regras do processo. Tendo o presidente do STF como presidente do julgamento. Como se tudo isso fosse cerejas de um bolo amargo e indigesto para mascarar a imaterialidade das denúncias – disse.

Na opinião de Lídice, ficou demonstrado no processo que Dilma Rousseff não cometeu crime de responsabilidade e a acusação apelou para uma “retórica falaciosa” por falta de provas.

– Querem cassar o mandato de uma presidente legitimamente eleita pelo conjunto da obra, pela impopularidade momentânea, pela perda da maioria parlamentar, esquecendo-se que num regime presidencialista quem cassa o mandato do governante pelo conjunto da obra é o povo das urnas – concluiu.

Confira vídeos com a presidente afastada Dilma Rousseff e a senadora Lídice da Mata

Outras publicações

Eleições 2014: “O Brasil tem o menor índice de desemprego da história e inflação está sob controle”, afirma presidenta Dilma Rousseff durante entrevista Presidenta Dilma Rousseff participa de sabatina do Uol, Folha, SBT e Jovem Pan. O Brasil faz parte de um seleto grupo de países que, apesar da crise...
Eleições 2014 | Pesquisa Datafolha aponta liderança de Dilma Rousseff com 40% das intenções de voto; Marina Silva, 24%; e Aécio Neves, 21% Dilma Rousseff chega ao final do processo eleitoral com popularidade em alta. Pesquisa Datafolha divulgada hoje (02/10/2014) mostra a candidata do P...
Conseguimos fazer um conjunto de obras que mostram uma nova face para esse novo Nordeste, afirma presidenta Dilma Rousseff Presidenta Dilma Rousseff posa para foto com populares durante acerimônia de entrega do trecho Floresta-Serra Talhada do SistemaAdutor Pajeú; de ônib...

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: diretor@jornalgrandebahia.com.br.