Salvador: aberta exposição ‘Tela Viva – Impressões do Graffiti em Corpos Urbanos’

Exposição "Tela Viva 2”, de Marcos Costa, foi aberta com performance de alunos da Escola de Dança da Funceb. Mostra integra projeto DançaEmMovimento.

Exposição “Tela Viva 2”, de Marcos Costa, foi aberta com performance de alunos da Escola de Dança da Funceb. Mostra integra projeto DançaEmMovimento.

Corpos pintados com cores de grafite pelo artista visual Marcos Costa ocuparam o antigo casarão onde funciona a Escola de Dança da Funceb, na Rua da Oração, Centro Histórico de Salvador, na manhã desta quarta-feira, (24/08/2016). A abertura da exposição Tela Viva – Impressões do Graffiti em Corpos Urbanos, em sua segunda edição, intitulada  Tela Viva #2, movimentou o público do projeto #DançaEmMovimento, realizado por alunos da instituição de ensino e que oferece, até setembro, atrações gratuitas para estudantes e comunidade.

Além do público da casa, visitantes, como gestores de cultura, artistas e jovens alunos de dois colégios de Dias D’Ávila, conferiram a abertura da mostra, com fotos de Sidney Rocharte e um vídeo de Ailton Pinheiro e que segue montada até 15 de setembro. Douglas Rodrigues, Mirela Ferreira, Lyu Barbosa, Lucas Lemos, Rony Timas, Janaína Candeias, Joílson Oliveira e Ricardo Hollywood, alunos da Escola de Dança da Funceb, fizeram performance no espaço Céu.

Antes da apresentação, o artista Marcos Costa, do Spray Cabuloso,  falou com o público, dizendo respirar arte e que, “por isso, consigo mobilizar tantas pessoas. Tenho me conectado com vários artistas interessantes”. Ele comentou que é possível juntar esforços e citou a parceria com o  #DançaEmMovimento como um exemplo desta crença.  O projeto, idealizado por Douglas Rodrigues, Lyu Barbosa e Meirejane Lima, tem como objetivo tornar a arte mais acessível para a sociedade, com  ações como aulas e palestras gratuitas de dança. Os participantes são alunos ou profissionais, voluntários.

Na abertura da exposição, da Funceb, estiveram presentes Maria Ísis (Lia) Silveira, diretora da Dirart, com a assessora Naiara Vieira; Karina Rabinovitz, coordenadora de Literatura; Cristiane Delecrode, Alexandro Jesus, Wendel Medina e Lucia Eugenia, da coordenação de Música; Francisco André Lima, da coordenação de Dança. Também compareceu Marle Macedo, diretora do Centro de Formação em Artes (CFA), ao qual pertence a Escola. Virgínia Costa, vice-diretora da instituição, acompanhou a programação com os coordenadores  Ana Cláudia Ornellas, Dênia Gonçalves e Robson Correia.

Corpos que são tela – A mostra foi aberta nesta quarta-feira e segue aberta à visitação de segunda à sexta, das 9h às 18h, com entrada gratuita. O ator e dançarino Joilson Oliveira foi uma espécie de guia da intinerância feita pelos andares da Escola de Dança da Funceb. “Dificuldade, pauleira. Somos telas, não somos paisagem”, discursou, convocando a locomoção do público para o último andar do edifício, onde fica o Espaço Céu.

Lá, os espectadores conferiram uma performance recheada de impacto, no qual os dançarinos, com corpos pintados, ocuparam o espaço ambientado com luz baixa, onde as cores fosforescentes de pinturas e objetos se destacavam. Um arco pendurado no teto, plástico prendendo duas vigas, uma cortina flexível de madeira, tudo ganhou vida nas mãos do elenco de estudantes, que fez performance ao som de uma trilha instigante.

Depois da apresentação os participantes da performance, junto com Marcos Costa, conversaram com o público. Professora do colégio visitante de Dias D’Ávila, Emília Brandão comentou que a turma de visitantes da Escola de Dança da Funceb ficou encantada: “Nós temos crianças que nunca tinham visto este tipo de trabalho, nem sabiam que existia”. Os jovens estudantes da Escola Anísio Teixeira e Anfrísia Santiago também participaram do projeto #DançaEmMovimento em aula de Denise Torraca e Aline Damascena.

O projeto abre inscrições para a próxima etapa de aulas gratuitas. Informações completas em goo.gl/3q1pv7.

Outras publicações

Mark Duwe (criador da nova Fonte Nova) e Claas Schulitz (criador do Estádio de Hanover) palestram em Salvador Mark Duwe (criador da nova Fonte Nova) palestra em Salvador. Ele é o autor do projeto do novo estádio Otávio Mangabeira, a Fonte Nova. Mark Duwe che...
12ª edição do Passeio Ciclístico Solidário ocorre em Salvador Passeio Ciclístico dos Bandeirantes ocorre em Salvador A Federação de Bandeirantes do Brasil - Bahia (FBB-Bahia), em parceria com o Movimento Salvad...
Píer provisório é instalado no Terminal Turístico Naútico de Salvador Píer provisório é Instalado no Terminal Turístico Naútico de Salvador. Para atender aos usuários do Terminal Turístico Náutico de Salvador, ...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br