Governo da Bahia anuncia investimentos em Deams no interior do estado

Unidades de Alagoinhas e Paulo Afonso receberão novas sedes. Esta ação em defesa da mulher se soma à Ronda Maria da Penha, implantada em Salvador, Juazeiro e Paulo Afonso.

Unidades de Alagoinhas e Paulo Afonso receberão novas sedes. Esta ação em defesa da mulher se soma à Ronda Maria da Penha, implantada em Salvador, Juazeiro e Paulo Afonso.

Na semana em que a Lei Maria da Penha completa 10 anos, a Secretaria da Segurança Pública da Bahia anuncia o início das obras das novas sedes das Delegacias Especiais de Atendimento à Mulher (Deam) de Alagoinhas e Paulo Afonso. Elas prestam um atendimento diferenciado, buscando prevenir e conscientizar o público masculino, além de prender quem infringir a lei. As novas estruturas representam um investimento do Governo do Estado de R$ 4,8 milhões.

Outras 13 Deams também funcionam na Bahia: duas em Salvador (Engenho Velho de Brotas e Periperi) e nas cidades de Camaçari, Candeias, na Região Metropolitana, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Ilhéus, Porto Seguro, Itabuna, Teixeira de Freitas, Juazeiro, Barreiras e Jequié.

“Comemoramos uma década dessa importante lei, que ajuda a polícia no combate aos crimes contra as mulheres. Seguiremos ampliando essa rede de proteção com investimentos em estruturas e capacitação”, afirmou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Outra importante ação da polícia baiana para proteger as mulheres vítimas de agressão foi a implantação do Ronda Maria da Penha, unidade que atua em parceria com a Justiça, garantindo que as medidas protetivas sejam respeitadas.

Já em funcionamento no Subúrbio Ferroviário de Salvador e em Juazeiro e Paulo Afonso, o serviço cadastra as mulheres assistidas por proteção judicial e promove o acompanhamento diário delas. O objetivo é assegurar o cumprimento das regras estipuladas, que vão deste o afastamento do agressor do lar até a fixação de limite mínimo de distância da vítima.

“Desejo que a legislação seja sempre atualizada, para que possamos proteger nossas mães, irmãs, esposas e amigas e punir, com todo rigor possível, aqueles que ainda vivem sob a cultura da violência contra a mulher”, completou Barbosa.

Outras publicações

MPL cobra demandas em audiência na Alba e deputado quer avanço de reformas Marcelino Galo: “O governo é parte disso, existe ainda os interesses de classes que são violentos. A partir de agora vamos avançar para a reforma tri...
Secretário Manoel Vitório garante equilíbrio orçamentário do governo em audiência na Assembleia Legislativa da Bahia Manoel Vitório: "“Estamos num momento de dificuldade, mas não de dificuldades insuperáveis.". Para fazer uma avaliação das metas fiscais referentes ...
Governador Rui Costa inaugura pavimentação de trecho da BA 001 em Valença Governo da Bahia pavimenta Rodovia BA 001. Governador Rui Costa durante visita a Valença. Com aproximadamente 100 mil habitantes, o município de...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br