Funceb e IRDEB assinam convênio para divulgar a literatura baiana

Flavio Gonçalves, diretor do IRDEB e Fernanda Tourinho, diretora da Funceb.

Flavio Gonçalves, diretor do IRDEB e Fernanda Tourinho, diretora da Funceb.

O projeto Grafias eletrônicas, criado pela Coordenação de Literatura/Dirart da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb), consiste na realização de concurso para a seleção de até 20 textos literários de autores baianos, que serão transformados em produtos audiovisuais para serem veiculados nos canais de comunicação da emissora do Instituto Radiodifusão Educativa da Bahia – IRDEB (TV Educativa, WEB e Rádio Educadora) e das entidades vinculadas ao projeto.

A parceira para a realização do projeto Grafias Eletrônicas será um meio de incentivar e divulgar os escritores e a literatura baiana, através das emissoras do IRDEB – TVE, do portal do IRDEB e da Rádio Educadora – valorizando a grade de programação com conteúdos regionais.

O IRDEB realizará também, em conjunto com a Funceb,  a análise das obras inscritas pelos artistas disponibilizará equipe técnica para a realização das gravações e edições dos vídeos, além de viabilizar a veiculação dos vídeos, nos intervalos publicitários da TV Educativa da Bahia, portal do IRDEB e na Rádio Educadora.

Fernanda Tourinho, diretora da Funceb, e Flavio Gonçalves, diretor do IRDEB, assinaram, um convênio de cooperação para a realização do projeto Grafias Eletrônicas. Também participaram do ato Karina Rabinovitz, coordenadora de Literatura da Funceb, e Janaína Rocha, assessora de Conteúdos e Projetos Colaborativos do Irdeb.

Missão

O objetivo do projeto, que é criar um espaço contemporâneo para a difusão dos artistas da palavra e a literatura baiana, através do diálogo com o vídeo e as novas tecnologias, está alinhado com a missão do IRDEB de desenvolver comunicação de interesse público, por meio da Rádio, TV e WEB, para fortalecer a diversidade cultural, a cidadania e a democracia, valorizando a ética, transparência, responsabilidade socioambiental, respeito a diversidade, criatividade e valorização dos colaboradores.

“Quero aproveitar a oportunidade para reforçar que o instituto está aberto para propostas de atividades culturais, que podem ser realizadas no Teatro do Irdeb ou que possam ser construídas junto, mostrando aos jovens, especialmente, que eles têm como participar”, considerou Flavio.

“A gente tem muito a contribuir, a própria Escola de Dança da Funceb, com este projeto #DançaEmMovimento, é um exemplo disso, pois é uma realização de alunos da instituição, que mostram que podem ter este empoderamento”, comentou Fernanda, lembrando também que o Neojiba irá encontrar com alunos da Escola em apresentação da Sagração da Primavera, no TCA.

A gestora ainda lembrou de ações como o site que está sendo preparado para filarmônicas, o Mapa Musical e o Mapa da Palavra como iniciativas com possibilidades de parceria com o Irdeb. Durante o encontro foi debatido o caminho aberto para exibição de vídeos, algo que já ocorre com produções como o Corte Seco, da Dimas/Funceb, e que pode ser ampliado.

Outras publicações

Governo da Bahia promove Consulta Pública sobre Projeto de Lei de Convivência com o Semiárido Ações no Semi-Árido beneficiam família na Comunidade de Batatinha em Paulo Afonso. Visando estreitar o diálogo com a população acerca das estratégia...
Secult Bahia realiza ciclo de videoconferências sobre Programa Fazcultura Videoconferências aborda Programa Fazcultura. Visando difundir o Programa Fazcultura, aproximar a sociedade civil e estimular a participação da inic...
Oposição ganha na Justiça e governo da Bahia é obrigado a convocar 800 educadores aprovados em concurso Coordenadores pedagógicos da rede estadual de ensino comemoraram com o líder da oposição na Assembleia Legislativa, deputado Paulo Azi (DEM), a vitóri...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br