Central de Libras garante comunicação entre o governo da Bahia e as pessoas surdas

Central de Libras garante comunicação entre o Estado e as pessoas surdas.

Central de Libras garante comunicação entre o Estado e as pessoas surdas.

O sorriso da família é um dos motivadores que Juirã Santos leva consigo para enfrentar o preconceito da sociedade por causa de sua surdez. Ele bem sabe as dificuldades que encontra diariamente para se comunicar com outras pessoas, ainda mais que sua esposa e filha também são surdas. “Quando conheci a Central de Intérprete de Libras de Jequié, ofertando gratuitamente o serviço de tradução e interpretação, ficou mais fácil acessar os serviços públicos. Este é um importante aliado para as pessoas com deficiência combaterem a barreria da invisibilidade” disse Juirã, que tem outro grande motivo para comemorar, “depois de muito esforço, e algumas tentativas frustradas, consegui passar no concurso público para o INSS”, comemora.

Aproveitando as ações da Caravana da Justiça Social no município, o Secretário de Justiça Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Geraldo Reis, conheceu as instalações da Central de Interprete de Libras, que fica localizada na Associação de Surdos Centro educacional de Jequié. “É importante que cada vez mais as pessoas com deficiência se organizem e ocupem os espaços na sociedade. Porque, assim terão mais visibilidade, autonomia e respeito”, afirmou. O secretário ressaltou também o trabalho desenvolvido pela Central que, segundo ele, deve ser utilizada como referência para a implementação de outras unidades nas cidades baianas.

Para a coordenadora da CILJE BAHIA, Vânia Duarte, o serviço oferecido abriu novos horizontes para as pessoas surdas que antes eram atendidas superficialmente, por que ninguém sabia Libras ou não tinha intérprete disponível. “Hoje, por meio da Central de Libras, o surdo pode solicitar a presença de um intérprete no local desejado. Os profissionais dos órgãos parceiros também têm instalado o Skype (programa de teleconferência) com a nossa central, facilitando a comunicação entre o intérprete de LIBRAS, a pessoa surda e o profissional”, explica.

A Central de Jequié foi inaugurada em 2014, fruto da parceria entre o governo federal, estadual e a prefeitura. De acordo com a coordenadora, em média são atendidas de 60 a 100 surdos, em demandas que refere a consultas médicas, atendimento ao INSS, programas sociais, atendimentos bancários, audiências, entre outros. “Esse equipamento público garante que as pessoas surdas tenham seus direitos sociais garantidos em qualquer lugar que o surdo ou a pessoa com deficiência auditiva vá”.

Central de Intérpretes de LIBRAS da Bahia

O modelo de serviço realizado na cidade de Jequié é o mesmo aplicado em Salvador, desde o mês de abril. A Central de Intérpretes de LIBRAS da Bahia (CILBA) encontra-se instalada no edifício anexo do Instituto Anísio, localizado na estrada das muriçocas , Avenida paralela, em Salvador, tendo funcionamento de 8h30 às 18h.

Em parceria com a Secretaria Nacional de Direitos Humanos (SDH), tem o objetivo de prestar serviço por meio da tradução e interpretação de LIBRAS, presencialmente ou por meio de programas de teleconferência, ressaltando o atendimento para pessoas surdas e com deficiência auditiva, juntamente com sua família, a ter acesso aos órgãos públicos parceiros.

Outras publicações

Estado construirá treze novos frigoríficos no interior da Bahia Eduardo Salles celebra assinatura de convênios para construção de frigoríficos. A construção de matadouros frigoríficos nos municípios de Araci, Bar...
Deputado Carlos Geilson critica demora em investigações de crimes na Bahia Carlos Geilson: "Minha preocupação está com a demora com que os casos são resolvidos na Bahia.". “Fico aliviado ao saber que os culpados começaram a...
Walter Pinheiro é empossado como secretário da Educação da Bahia Walter Pinheiro: foi uma honra o convite de assumir essa missão, reconhecendo que esse é um terreno delicado, que lida com a mudança de vida das pess...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br