Relator usa voto do deputado José Carlos Aleluia para levar julgamento de Eduardo Cunha a plenário

Sessão Conselho de Ética e Decoro Parlamentar recomenda cassação do mandato de Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Sessão Conselho de Ética e Decoro Parlamentar recomenda cassação do mandato de Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

O deputado federal José Carlos Aleluia (DEM-BA) foi decisivo para que o processo de cassação do mandato do ex-presidente da Câmara e deputado afastado, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), vá a plenário para votação aberta, o que deve ocorrer em agosto. O voto em separado de Aleluia serviu ao relator Max Filho (PSDB-ES) como relatório depois de uma manobra mal sucedida do grupo de Cunha de adiar mais uma vez a sessão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) nesta quinta-feira (14/07/2016).

Com a rejeição da maioria dos membros da CCJ ao parecer do deputado Ronaldo Fonseca (PROS-DF), que pedia que o processo retornasse ao Conselho de Ética, o presidente da Comissão, Osmar Serraglio (PMDB-PR) acatou o nome de Max Filho, indicado pelos adversários de Cunha, como novo relator.

Para evitar que nova manobra postergasse a decisão da Comissão para agosto, Max Filho apresentou como seu relatório o voto em separado de Aleluia que mantinha o resultado do Conselho de Ética pela cassação de Cunha. Ainda durante a sessão, o parlamentar tucano fez a leitura do novo relatório que foi aprovado por 40 votos a 11.

Com esse resultado, o processo se encerra definitivamente na Comissão e segue para o plenário da Câmara, que dará a palavra final sobre a cassação. “A eleição de um novo presidente para a Casa já sinalizou que os tempos mudaram”, disse Aleluia, ao final da sessão, satisfeito em ter colaborado para desatar um nó ao funcionamento da Câmara.

Outras publicações

Contra o Golpe: milhares de cidadãos voltam a ocupar as ruas de São Paulo pelo “Fora, Temer”; protestos são reprimidos pelos DOPS de Geraldo Alckmin Manifestação contra o governo de Michel Temer na avenida Paulista, em São Paulo. Cerca de 60 mil pessoas se reuniram na Avenida Paulista, neste domi...
Para oposição, presidente afastada Dilma Rousseff terá mais votos; para governistas, impeachment é inevitável Sessão deliberativa extraordinária do Senado Federal destinada a discussão da Denúncia nº 1, de 2016, referente ao processo de impeachment da preside...
Conselho de Ética aprova por 11 votos a 9 parecer pela cassação de Eduardo Cunha; Justiça Federal determina bloqueio dos bens de Cunha e Cláudia Cruz Reunião do Conselho de Ética da Câmara aprecia o parecer do deputado Marcos Rogério pela cassação do presidente afastado da Câmara Eduardo Cunha por ...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br