Exame toxicológico para motoristas volta a ser obrigatório: saiba onde fazer em Feira de Santana

Exame toxicológico para motoristas volta a ser obrigatório.

Exame toxicológico para motoristas volta a ser obrigatório.

Desde o início de maio de 2016 passou a ser obrigatório em todo o território nacional o exame toxicológico para os motoristas que vão adicionar ou renovar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) para as categorias C, D e E. A medida, instituída pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), visa reforçar a avaliação médica para atestar que os motoristas não estejam dirigindo sob efeito de drogas ilícitas.

Em Feira de Santana, cidade que é rota de passagem para várias transportadoras, e possui um grande número de motoristas de caminhões em trânsito, o exame toxicológico tem gerado repercussão, principalmente depois de uma liminar que tentou suspender a obrigatoriedade do exame em todo estado.  A análise voltou a ser obrigatória e tem como objetivo identificar o uso de substâncias psicoativas no organismo do motorista, nos últimos 90 dias.

Segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), a intenção da exigência do exame é preservar a saúde e integridade física das pessoas no transporte de volumes e vidas. Ainda de acordo com dados do órgão, atualmente o uso de substâncias tóxicas é o fator responsável pela maior parte dos acidentes graves ocorridos nas rodovias brasileiras.

No IHEF (Instituto de Hematologia e Hemoterapia de Feira de Santana), laboratório credenciado pelo Denatran para realização do procedimento, a procura pelo exame tem sido grande. A análise é feita a partir da coleta de um fio ou pêlo de cabelo e é capaz de detectar diversos tipos de drogas e seus derivados, como a cocaína (crack e merla), maconha, morfina, heroína, ecstasy, ópio, codeína, anfetamina e metanfetamina. Os motoristas podem, no entanto, estar utilizando medicamentos que possuam em sua composição algum elemento detectado pelo exame, desde que seja com prescrição médica.

Marcos Machado, Farmacêutico Bioquimico do IHEF, explica que o exame é feito de maneira bem rápida e prática, sem maiores transtornos para o paciente. “O procedimento de entrevista e coleta dura cerca de 5 minutos. Após realizar a extração do material, enviamos o conteúdo para análise em um laboratório nos Estados Unidos. O resultado fica pronto dentro de 15 dias e é enviado diretamente para o paciente e para o Denatran”, ressalta Machado.

O exame toxicológico pode ser realizado no IHEF de segunda à sexta-feira das 6h às 17h, sábado das 7h às 11h e aos domingos das 7h às 10h. O IHEF fica na Avenida Getúlio Vargas, 844, no Centro.

Agenda

O que: Exame Toxicológico para adição ou renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) para as categorias C, D e E

Onde: IHEF (Instituto de Hematologia e Hemoterapia de Feira de Santana) – Avenida Getúlio Vargas, 844, Centro.

Horário de Funcionamento: Segunda à sexta das 6h às 17h, sábado das 7h às 11h, domingo das 7h às 10h.

Outras publicações

Confira a coluna de Antônio José Larangeira de 09 de Junho de 2014 O secretario da Agricultura Jairo Carneiro que esteve em Feira de Santana para participar da Exposição Estadual da Agricultura Familiar. Volney Pito...
Empresários de Feira de Santana participam de audiência com o ministro Moreira Franco Edson Piaggio participou da reunião representando o Instituto Pensar Feira. Armando Sampaio e Marcelo Alexandrino, pela Associação Comercial, Edson ...
Damha Urbanizadora mantém trajetória sustentável de crescimento em 2014 e projeta 11 novos lançamentos Vista aérea das obras do Village Damha I Feira de Santana. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia) A Damha Urbanizadora fecha o ano de 2013 com...

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br