CachoeiraDoc 2016 divulga resultado de mostra competitiva

Cena do filme Jonas e o Circo sem Lona.

Cena do filme Jonas e o Circo sem Lona.

Festival de Documentários de Cachoeira divulgou nesta segunda-feira, (11/07/2016), a lista dos filmes aprovados na seleção da Mostra Competitiva Nacional. No total, dos 500 filmes inscritos na mostra, foram selecionados 16 curtas-metragens e 11 médias e longas. Entre os documentários estão os baianos “Voz das Mulheres Indígenas”, de Glicéria Tupinambá e Cristiane Pankararu, “A Noite Escura da Alma”, de Henrique Dantas, “Jonas e o Circo sem Lona”, de Paula Gomes.

A 7ª edição do festival acontece entre 6 e 11 de setembro, no Cine-teatro Cachoeirano (antigo Glória) e no Centro de Artes Humanidades e Letras da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, na cidade de Cachoeira, localizada a 110 km de Salvador.

O festival

O CachoeiraDoc busca fomentar a difusão e a produção de documentários, assim como a discussão sobre o gênero, por meio de oficinas, debates, ciclo de conferências e exibição de filmes.

Nas seis edições anteriores, cerca de 13 mil pessoas assistiram a mais de 220 documentários, muitos deles inéditos na Bahia e Brasil. Na Mostra Competitiva Nacional, ao todo, foram mais de inscritos mais de 1,1 mil filmes de todas as regiões do país.

O festival é uma realização da Ritos Produções e do Grupo de Estudos e Práticas do Documentário, do Curso de Cinema e Audiovisual da UFRB, e conta com o apoio financeiro do Fundo de Cultura da Secretaria de Cultura da Bahia desde a sua primeira edição, em 2010.

Mais informações podem ser obtidas no site www.cachoeiradoc.com.br.

Confira a lista completa

Curtas-metragens

Abigail (Rio de Janeiro, 2016, 17 min.)

Direção: Valentina Homem e Isabel Penon

Antonieta (Santa Catarina, 2015, 15 min.)

Direção: Flávia Person

Dia de Pagamento (Pernambuco, 2015, 28 min.)

Direção: Fabiana Moraes

Entretempos (Ceará, 2015, 07 min.)

Direção: Yuri Firmeza e Fred Benevides

Fort Acquario (Ceará, 2016, 07 min.)

Direção: Pedro Diogenes

Há Terra! (Distrito Federal, 2016, 12 min.)

Direção: Ana Vaz

Índios no Poder (Distrito Federal, 2015, 21 min.)

Direção: Rodrigo Arajeju

Nunca é noite no mapa (Pernambuco, 2016, 02 min.)

Direção: Ernesto Carvalho

O Voo (São Paulo, 2015, 11 min.)

Direção: Manoela Ziggiatti

Onze (Ceará, 2016, 26min)

Direção: Coletivo Nigéria

Orquestra Invisível Let’s Dance (São Paulo, 2016, 20 min.)

Direção: Alice Riff

Procura-se Irenice (São Paulo, 2016, 25min.)

Direção: Marco Escrivão, Thiago B. Mendonça

Quem matou Eloá? (São Paulo, 2015, 24min.)

Direção: Lívia Perez

Retrato de Carmem D (Rio de Janeiro, 2015, 21 min.)

Direção: Isabel Joffily

Sepulcro do gato preto (São Paulo, 2015, 25 min.)

Direção: Kaneda Asfixia e Frederico Moreira

Voz das Mulheres Indígenas (Bahia, 17 min.)

Direção: Glicéria Tupinambá e Cristiane Pankararu

Longas / Médias-metragens

#Sem título 2 La mer larme (São Paulo, 2015, 31 min.)

Direção: Carlos Adriano

A Noite Escura da Alma (Bahia, 2015, 85min)

Direção: Henrique Dantas

Aracati (Rio de Janeiro / Ceará, 2015, 62 min.)

Direção: Aline Portugal e Julia De Simone

Filme de Aborto (São Paulo, 2015, 63 min.)

Direção: Lincoln Péricles

Grin (São Paulo, 2016, 41 min.)

Direção: Roney Freitas e Isael Maxakali

Jonas e o Circo sem Lona (Bahia, 2015, 81min)

Direção: Paula Gomes

Orestes (São Paulo, 2015, 93 min.)

Direção: Rodrigo Siqueira

Taego Awa (Goiás, 2016, 75 min.)

Direção: Marcela Borela e Henrique Borela

Tança (Minas Gerais, 2015, 31 min.)

Direção: Irmandade dos Atores da Pândega e Associação – Quilombola Mato do Tição

Tekowe Nhepyrun: A Origem da Alma (Paraná, 2015, 49min. )

Direção: Alberto Alvares

Vozerio (Rio de Janeiro, 2015, 98min)

Direção: Vladmir Seixas

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br