Bope negocia rendição de homem na Unijorge em Salvador

Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) da Bahia atua para conter crise.

Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) da Bahia atua para conter crise.

O Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) da Bahia negocia rendição  do homem que na tarde deste domingo (24/07/2016), durante a realização  da prova da Ordem dos Advogados do Brasil, na Unijorge, alegou portar uma bomba.

Ainda não há informações  sobre a motivação  das ameaças. O acusado  está  isolado em uma sala da instituição, localizada na avenida paralela.

O caso também é acompanhado  por equipes  especializadas no Centro Integrado de Comando e Controle, instalado no Centro de Operações  e Inteligência.

Outras publicações

Investimento da Schincariol prevê quase dois mil postos de trabalho na Bahia A Schincariol, maior companhia de bebidas do país com capital 100% nacional, anunciou nesta sexta-feira (21/05/2010), na Governadoria, investimentos d...
Ministra Cármen Lúcia nega HC a delegado da Polícia Civil da Bahia acusado de homicídio qualificado A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia Antunes Rocha aplicou a Súmula 691 do próprio STF para negar seguimento ao Habeas Corpus (HC...
Codevasf instala cisternas em escolas e postos de saúde em áreas rurais da Bahia Codevasf instala cisternas em escolas e postos de saúde em áreas rurais da Bahia. As cisternas de abastecimento de água para consumo humano estão me...

Sobre o autor

Carlos Augusto
Carlos Augusto Oliveira da Silva (Carlos Augusto) é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF). Atua como jornalista e cientista social. Telefone: (75)98242-8000 | E-mail: diretor@jornalgrandebahia.com.br.