Vereador Marcos Lima questiona programas do Governo Estadual em Feira de Santana

Vereador Marcos Lima diz que  Governo do Estado abriu inscrições do curso gratuito para pessoas de baixa renda poderem tirar a primeira habilitação, onde muitos, segundo ele, não conseguiram fazer a inscrição.

Vereador Marcos Lima diz que Governo do Estado abriu inscrições do curso gratuito para pessoas de baixa renda poderem tirar a primeira habilitação, onde muitos, segundo ele, não conseguiram fazer a inscrição.

Na sessão legislativa desta terça-feira (14/06/2016), o vice-líder do Governo na Câmara, vereador Marcos Lima (PRP), usou a tribuna da Casa da Cidadania para questionar o Governo do Estado no que tange à eficiência, dos programas Escola Pública do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) e TOPA – Programa Todos pela Alfabetização, desenvolvidos em Feira de Santana.

De acordo com o edil, o Governo do Estado abriu inscrições do curso gratuito para pessoas de baixa renda poderem tirar a primeira habilitação, onde muitos, segundo ele, não conseguiram fazer a inscrição. Marcos Lima disse que, apesar desse contratempo, as aulas na autoescola gratuita foram iniciadas, “mas até hoje nenhuma pessoa conseguir tirar a sua carteira. E há uma denúncia, que chegou ao nosso conhecimento, de que tem uma pessoa tentando cobrar por fora”, informou, solicitando  uma averiguação por parte do diretor da 3ª Ciretran, Sílvio Dias.

Na oportunidade, ele fez uma alerta ao  Governo do Estado em relação à Escola Pública do Detran. “Não brinque com o povo. Se não tem condição, se não tem organização para fazer, não façam. Não queiram apenas aparecer”.

Em aparte, o vereador Alberto Nery (PT) se pronunciou sobre o assunto. “Eu quero dizer ao nobre colega que as inscrições foram feitas via internet. E se tem alguma denúncia, Vossa Excelência aqui dê nome aos bois para que a gente possa, de fato, apurar. E ninguém ainda concluiu o curso, inclusive, nós temos pessoas participando do curso, elas ainda não se habilitaram porque o curso não foi concluído”, explicou o petista.

Novamente com o uso da palavra, Marcos Lima disse que tem informações de que até hoje não há veículos disponíveis para os alunos fazerem o treinamento prático na autoescola gratuita do Detran.

Topa

Na sequência, ele afirmou que, “por falta de organização e responsabilidade da Secretaria de Educação do Estado da Bahia”, ainda não foram disponibilizados este ano a merenda e material escolar aos alunos do TOPA.

Marcos Lima anuncia falência da Caixa Econômica Federal

Em pronunciamento no horário do grande expediente, na sessão na sessão ordinária da Câmara de Feira de Santana, desta terça-feira (14), o vereador Marcos Lima (PRP) externou sua indignação em relação à atual situação financeira em que se encontra a Caixa Econômica Federal (CEF). O edil lembrou que há dois anos usou a tribuna da Casa da Cidadania para alertar sobre a possibilidade de falência da referida agência bancária.

“Existe uma preocupação minha e de grande parte da população quando se fala em Caixa Econômica Federal. Todos sabem que os bancos podem emprestar até cinco vezes o valor do seu capital e a CEF estava emprestando 20 vezes o valor do seu capital, então não poderia acontecer outra coisa senão a falência. Lamento esta situação, pois um banco, que é pilar da sociedade, principalmente em relação à habitação, onde realiza grandes sonhos, está falido. Fico indignado e amargurado em ver uma instituição tão antiga ser feita de barganha para a política”, pontuou Marcos Lima.

Ainda segundo o edil, este é também o caminho das estatais brasileiras. “Como a Petrobrás, e agora estou ouvindo falar no Banco do Nordeste. Hoje, o governo Temer passa pelas mesmas dificuldades até realizar os ajustes que o país precisa, mas a nossa esperança é que este governo, mesmo sendo interino, com sua boa equipe, possa reverter essa situação. Portanto, fica aqui meu registro de indignação em relação à situação em que se encontra a Caixa Econômica Federal”, findou.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br