Vereador avalia que 15 mil famílias residentes em Feira de Santana podem perder o benefício Bolsa Família

Vereador José Carneiro Rocha.

Vereador José Carneiro Rocha.

O líder do Governo na Câmara, vereador José Carneiro (PSDB), durante discurso proferido na tribuna da Casa da Cidadania, nesta segunda-feira (13/06/2016), fez a leitura de uma mensagem do secretário municipal de Desenvolvimento Social, Hildes Ferreira de Oliveira, onde este chama a atenção para a importância do recadastramento do Bolsa Família.

Na correspondência encaminhada ao líder governista, o referido secretário diz que “as famílias que recebem o benefício Bolsa Família precisam atualizar periodicamente, comprovar a frequência de filhos na escola (quando for o caso) e manter o acompanhamento à saúde (vacinação, pesagem dos filhos, etc.). Em Feira de Santana, 15 mil famílias estão ameaçadas de perder o benefício, porque ‘esqueceram’ do dever de casa em relação à saúde”.

Hildes Ferreira diz que está solicitando a escolas, igrejas, associações, clubes esportivos, entre outros, para que informem aos seus membros que o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) estabeleceu o prazo de 30 de junho para a regularização da situação. “As famílias devem, imediatamente, procurar a Unidade de Saúde mais próxima. Se não fizerem isso, terão o benefício suspenso”, alertou.

Venda de cerveja em estádios

Mudando de foco, José Carneiro disse que  ontem, durante a estreia do Fluminense de Feira na Série D do Campeonato Brasileiro de Futebol, ouviu os locutores de uma emissora de rádio local se referindo à venda de bebida alcoólica (cerveja) em estádios.

“Dizem que em Feira é proibida, mas confesso que eu tenho dúvida e, por isso,  vou trazer amanhã a lei do ex-vereador Irmão Fernando, porque se não me falha a memória, ela não proíbe venda de bebida alcoólica não. E tem um equívoco muito grande: ela proíbe venda de bebida alcoólica em garrafa. E, se é em garrafa, está permitida e todo mundo está comendo ‘bredo’, eu acho. Vou pegar essa lei para fazer esta observação”, declarou o líder governista, alertando que se confirmar que a proibição é apenas a utilização de garrafas em estádios, está liberada a venda de cerveja em latas ou copos descartáveis.

José Carneiro lembrou que, recentemente, foi rejeitado o projeto de lei de nº 40/16, de autoria do vereador Correia Zezito (PSL), que dispõe sobre a autorização e regulamentação da venda e o consumo de bebidas alcoólicas em eventos esportivos, estádios e arenas desportivas em Feira de Santana.

Ele argumentou que em quase todos os estádios do Brasil é permitida a venda de cerveja em latinha ou em copos plásticos. Em sua opinião, quem votou contra o projeto de Correia não vai ao estádio nem torce por nenhum time de futebol.

Em aparte, o vereador Correia Zezito confirmou que a lei municipal em tramitação proíbe apenas a venda de bebida alcoólica em garrafa e em copo de vidro.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br