Saiba como aproveitar as comidas do período junino

Matéria borda dicas sobre alimentação durante período junino.

Matéria borda dicas sobre alimentação durante período junino.

As festas juninas são as mais esperadas do Nordeste e tudo se torna mais atraente e colorido, como a decoração, os fogos e, em especial, as comidas! Então logo surge a dúvida: como manter o peso diante de tantas delícias? Os especialistas alertam que não precisa se desesperar. A depender das escolhas, as opções poderão ser saborosas e saudáveis, sem comprometer o peso. Claro que tudo depende também da moderação e das boas escolhas.

O milho é fonte de energia, fibras, vitamina A, B1, C, ferro, potássio e é o tradicional ingrediente da maioria dos pratos juninos, seguido da mandioca. “É preciso ter cuidado com o excesso de gordura associado ao consumo, como por exemplo a manteiga utilizada no milho cozido ou na pipoca”, explica Sara Frediani, nutricionista da Hammer Academia.

O amendoim é outro ingrediente dos pratos típicos, rico em potássio, magnésio, zinco, proteína e gordura monoinsaturada (aquela benéfica ao organismo). “Algumas iguarias feitas com o amendoim podem conter grande quantidade de açúcar, como no caso do pé de moleque (490 Kcal em 100g) e da paçoca (150 Kcal em 30g). Sendo assim, deve ser consumido com moderação”, acrescenta a nutricionista. A tapioca é outra ótima opção, que pode ser consumida doce ou salgada.

Por ser produzida a partir da mandioca, é rica em carboidratos e alto teor energético, a depender do recheio escolhido. “O melhor é sempre optar por recheios à base queijos brancos ou geleias de frutas com pouco ou nenhuma adição de açúcar”, alerta Sara. Nas festas juninas, além das comidas, os licores também são muito populares. Este sim é um dos maiores vilões da festa! Além do teor alcoólico, são adicionadas as calorias do açúcar que fazem a bebida ficar com quase 150 Kcal em apenas uma dose de 50 ml.

Para os especialistas, a moderação é mesmo a melhor saída. “Dá pra curtir as festas dançando muito forró, pulando fogueira, gastando a energia e saboreando bem as iguarias juninas. A melhor recomendação é não esquecer os hábitos de uma vida saudável como a hidratação, mastigar bem os alimentos e optar sempre por alimentos mais naturais. Comer antes de sair de casa para que a tentação de consumir compulsivamente diminua é um outra boa pedida”, aconselha Sara.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br