Procurador-geral da República pede para PF investigar vazamento de pedidos de prisão da cúpula do PMDB

Rodrigo Janot pede para PF investigar vazamento de pedidos de prisão da cúpula do PMDB.

Rodrigo Janot pede para PF investigar vazamento de pedidos de prisão da cúpula do PMDB.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, encaminhou ontem (13/06/2016) ofício à diretoria da Polícia Federal (PF) pedindo a abertura de inquérito para investigar o vazamento de informações dos pedidos ao Supremo Tribunal Federal (STF) para prisão do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), do senador Romero Jucá (PMDB-RR), do ex-senador José Sarney (PMDB-AP) e do presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por tentativa de obstrução das investigações da Operação Lava Jato.

A informação sobre o pedido de prisão foi divulgada semana passada pelo jornal O Globo. Segundo o jornal, o caso está sendo analisado pelo ministro Teori Zavascki.

Na sexta-feira (10), ao participar do encerramento de um encontro com representantes do Ministério Público Federal (MPF), em Brasília, Janot  negou que o vazamento de informações sobre os pedidos de prisão tenha partido do MPF.

Na ocasião, sem citar nomes, o procurador rebateu críticas sobre o anúncio do vazamento.

“Não posso deixar de mencionar insinuações maledicentes que pululam na imprensa desde o início desta semana. Figuras de expressão nacional, que deveriam guardar imparcialidade e manter decoro, tentam disseminar a ideia estapafúrdia de que o procurador-geral da República teria vazado informações sigilosas para, vejam o absurdo, pressionar o Supremo Tribunal Federal e obrigá-lo a decidir em tal ou qual sentido, como se isso fosse verdadeiramente possível”.

*Com informação da Agência Brasil.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br