Estudantes de Sapeaçu cultivam hortaliças usadas na alimentação escolar

Estudantes cultivam hortaliças usadas na alimentação escolar.

Estudantes cultivam hortaliças usadas na alimentação escolar.

No Colégio Estadual Jonival Lucas, no município de Sapeaçu, a 155 km de Salvador, os estudantes do 6º ao 9º cuidam com dedicação da horta orgânica da unidade. Os estudantes sabem da importância desta atividade, já que os produtos cultivados são usados como reforço na alimentação escolar, além de serem doados para creches e instituições da comunidade. A atividade é desenvolvida na unidade escolar há três anos.

Na horta são cultivados coentro, alface, cebolinha, salsa, hortelã, cenoura, pepino, quiabo, amendoim e milho. Para este cultivo, a escola fornece as sementes e os adubos orgânicos são de doação. “Além dos 46 estudantes envolvidos diretamente com a horta, contamos com a contribuição de toda a comunidade escolar e dos pais dos alunos que doam o adubo, pois muitos dos nossos alunos são de zona rural”, informa a gestora da unidade, Silvia Regina das Neves.

Os estudantes participantes se revezam semanalmente nos cuidados com a horta, que inclui irrigação, limpeza da área e acompanhamento. “Para mim, cuidar da horta é um passatempo. Gosto de estar aqui e me dedico quatro vezes na semana”, disse o estudante do 9º ano, Ladsom Batista, 14 anos. Seu colega, Bruno Vieira, 16, diz que seu interesse em participar do projeto veio de casa. “Meus avós também plantam, o que eu já sabia de casa, ajudou no meu trabalho na horta da escola. Gosto tanto de trabalhar com a terra que quero ser biólogo”, revela.

Os estudantes também cuidam do jardim e da horta medicinal da escola, onde são cultivados erva doce, capim santo, folha de anador, entre outras ervas. Os espaços são usados para aula prática de biologia, história e para o projeto de Ciência na Escola sobre alimentação saudável.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br