Deputado Leur Lomanto Jr. cobra iniciativas do governo e das instituições bancárias para combate ao crime

Leur Lomanto Jr.: Há reclamações da maioria da população desses municípios, de que os bancos estão reduzindo o número de notas nos caixas, principalmente nos finais de semana.

Leur Lomanto Jr.: Há reclamações da maioria da população desses municípios, de que os bancos estão reduzindo o número de notas nos caixas, principalmente nos finais de semana.

Diante do crescente número de ocorrências de explosões de caixas eletrônicos e unidades bancárias, no interior da Bahia, o deputado estadual Leur Lomanto Jr. (PMDB), destaca a necessidade de o governo do estado e as instituições bancárias se unirem para o combate ao crime. O parlamentar cobra iniciativas do governo para melhorar a segurança pública nas pequenas cidades. Em muitos lugares ainda faltam delegados e o número de policiais é insuficiente para prestar assistência a sede e as inúmeras comunidades rurais. Ele frisa a urgência de uma força tarefa com o objetivo de acabar com esses crimes. Chamou a atenção do deputado a ousadia dos bandidos que atacaram uma unidade bancária em São Felipe, Recôncavo Baiano, durante essa madrugada e ainda atiraram contra a delegacia.

Segundo o parlamentar, os bancos também precisam ajudar no combate a essa atividade criminosa, uma vez que a maioria dos caixas eletrônicos não têm dispositivo de segurança, o que os tornam alvos fáceis de organizações criminosas. Leur Jr. lamenta a situação ao frisar que os ataques se tornaram rotina e a população tem sofrido as consequências, principalmente nos pequenos municípios, onde os bancos têm restringindo a quantidade de dinheiro nos caixas eletrônicos.

“Há reclamações da maioria da população desses municípios, de que os bancos estão reduzindo o número de notas nos caixas, principalmente nos finais de semana. Diante disso, as pessoas precisam percorrer quilômetros para encontrar terminais disponíveis e com dinheiro. As instituições alegam que a situação é decorrente dos assaltos e explosões de caixas automáticos, mas elas também precisam melhorar a tecnologia para impedir essas explosões. A população não pode pagar pela falta de segurança”, critica.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br