Artistas baianos preparam homenagem especial para Zélia Gattai

Centenário de Zélia Gattai será comemorado por artistas baianos.

Centenário de Zélia Gattai será comemorado por artistas baianos.

Uma programação especial em homenagem ao centenário da escritora Zélia Gattai está sendo planejada por um grupo de artistas baianos, que voltam a se reunir às 10h da próxima quinta-feira (23/06/2016), na Casa do Rio Vermelho, com este objetivo. A escritora, que morreu no dia 17 de maio de 2008, aos 91 anos, completaria 100 anos no próximo dia 2 de julho.

Maria João, neta da escritora, conta que a ideia inicial era prestar uma homenagem à Zélia a partir de um dos seus livros. Porém, devido ao engajamento de vários artistas, o projeto foi alterado e a cada sábado de julho um grupo apresentará a leitura e a encenação de trechos das obras “Anarquistas Graças a Deus”, “Códigos de Família”, “Memorial do Amor” e “Vacina de Sapo”. “Eu estou completamente emocionada. Eu não ouvi um não de nenhuma das pessoas que foram convidadas”, contou Maria João.

O centenário será comemorado no dia 2 de julho e a programação especial se dará na Casa do Rio Vermelho durante todo o mês de julho, que possui um acervo que retrata a vida, a obra e a intimidade do casal Jorge Amado e Zélia. O memorial é de responsabilidade da Prefeitura e fica aberto para visitação de terça a domingo, das 10h às 17h. O valor do ingresso é de R$20 e R$10 (estudantes e idosos). Crianças de até seis anos não pagam.

Intervenções teatrais

Entre os 60 diretores, atores, cantores e outros nomes ligados à cultura baiana que já confirmaram presença na programação especial do centenário estão Edvana Carvalho, Cyria Coetro, Jorge Portugal, Yacoce Simões, Claudia Cunha, Aninha Franco, Evelin Buchegger, Kaíka Alves, Ana Mameto, Zé Costa, Hebe Alves, Jota Veloso e um dos organizadores das comemorações, o ator Jackson Costa. “O evento começou a tomar uma dimensão muito maior do que nós esperávamos, mas não menor do que o tamanho que é Zélia Gattai. A gente está ofertando a ela o que ela nos deu, porque muito do que eu sei e do que sou hoje, eu devo à literatura de Zélia e de Jorge”, disse Jackson.

Além das intervenções teatrais e musicais, o público poderá conferir no dia 2 de julho as apresentações do Balé Folclórico da Bahia e Balé do Teatro Castro Alves. Já a pré-estreia da peça “Na Casa do Rio Vermelho – O amor de Zélia e Jorge”, prevista para acontecer no primeiro dia das apresentações, será apenas para convidados. “Eu vou escolher canções que represente um pouco da vida de Zélia, canções que conte um pouco da sua vida, ela que foi uma mulher guerreira. Posso adiantar, que canções incríveis não irão faltar”, revelou uma das atrações do evento, a cantora Ana Mameto.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Facebook do JGB

Publicações relacionadas

+ Publicações >>>>>>>>>

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br