Micareta 2016 – Feira de Santana: vereadores avaliam festa

Reinaldo Miranda (Ronny) parabeniza trabalho dos profissionais de imprensa na Micareta.

Reinaldo Miranda (Ronny) parabeniza trabalho dos profissionais de imprensa na Micareta.

Nery critica monopólio de cervejaria no circuito da Micareta

O vereador Alberto Nery (PT) utilizou a tribuna da Casa da Cidadania, nesta terça-feira (03/04/2016), para criticar a Prefeitura Municipal por dar exclusividade à Ambev de comercializar seus produtos durante a Micareta de Feira de Santana.

“Não sei se seria monopólio ou cartel, só uma empresa distribuidora ganha para fazer a distribuição da bebida. Existem diversas marcas, mas uma única cerveja foi a ganhadora do circuito, ela pagou R$1 milhão, que teria sido usado pela Prefeitura para contratar as bandas do evento. A população tem reclamado para que possa participar outras empresas. Assim como a Ambev pagou, outras poderiam pagar”, avalia.

Em sua opinião, as pessoas não podem ser obrigadas a consumirem produtos apenas de uma marca. “As pessoas que estão participando da festa não têm obrigação de usar apenas uma marca. A pessoa compra seu camarote e, se não gosta de tal marca, é obrigada a consumir, inclusive pessoas dentro do circuito estavam com cervejas de outras marcas para o seu camarote e as bebidas foram apreendidas”, reclamou.

Em aparte, o vereador Welligton Andrade (PSDB) comentou o assunto. “A cervejaria só ofereceu R$ 1 milhão porque houve exclusividade, só existem três marcas, se fossem as três marcas seria zero de receita para o Município. Só existiu este valor pela exclusividade da marca. Na parte da manhã era o horário para abastecer camarotes e áreas privadas. Quando entraram na licitação das barracas, todos os comerciantes  e donos de camarotes foram informados de que havia uma cervejaria participando da festa”, explicou.

Segundo o tucano, as pessoas dos camarotes poderiam utilizar qualquer marca de cerveja, no entanto, tantos os camarotes quanto as barracas tinham que respeitar o horário estabelecido para o abastecimento de bebidas, caso contrário, o produto seria apreendido.

Retomando a palavra, o vereador Alberto Nery respondeu a Welligton. “Essa pessoa estava levando bebida para o seu camarote e o produto foi apreendido porque todos na Micareta estavam trabalhando com outra cervejaria; foi obrigada a usar a marca oficial porque não pode conduzir a cerveja até o camarote”, informou.

Nery sugeriu que fosse criado um Núcleo da Micareta, para debater o evento de 2017, o mais rápido possível, com representantes de blocos, empresários, entre outras pessoas diretamente envolvidas com a festa, uma vez que ninguém sabe quem será o prefeito, a partir do próximo ano.

Ronny parabeniza trabalho dos profissionais de imprensa na Micareta

O presidente do Legislativo feirense, vereador Reinaldo Miranda – Ronny (PHS), ocupou a tribuna da Casa, na manhã desta terça-feira (03/05/2016), para parabenizar todos os profissionais e meios de comunicação pela “belíssima” cobertura da Micareta de Feira de Santana 2016.

“Quero fazer um registro parabenizando a todos os profissionais da imprensa, que, de uma forma brilhante, deram atenção especial a Micareta de Feira de Santana, levando a imagem da cidade para toda a Bahia, para o mundo, a exemplo das TVs Web: TV Caldeirão do Paulão e TV Geral. Também pude acompanhar o evento através das emissoras de rádio”, destacou.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br