Vereador critica Embasa por ausência de rede esgoto em algumas localidades de Feira de Santana

Vereador José da Costa Correia Filho (Correia Zezito) por ausência de rede esgoto em algumas localidades de Feira de Santana.

Vereador José da Costa Correia Filho (Correia Zezito) por ausência de rede esgoto em algumas localidades de Feira de Santana.

Nesta terça-feira (19/04/2016), em discurso na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Correia Zezito (PSL) teceu críticas a Embasa, citando a ausência de redes de esgoto em algumas localidades do município. “Venho reforçar a fala sobre a Embasa. Acho que chegou a hora de fazer as mudanças”, avalia.

O edil citou alguns problemas que vêm acontecendo por conta do trabalho prestado pela concessionária. “Não entendo aquela rede sanitária, aquela extensão da rede de esgoto da rua do Telégrafo, no meio você tem algumas casas que não ligaram ainda, até hoje não fez uma ligação, porque não fez a bacia. Como fez essa obra? A comunidade está cobrando, pedindo que faça ligações daquelas casas e, até hoje, não há resposta”, queixou-se.

Em aparte, o vereador José Carneiro (PSDB) também disse estar preocupado com a situação. “A preocupação sua, do vereador Pablo, também é deste vereador, tanto que propus no ano passado uma audiência pública para discutir a renovação de contrato com a Prefeitura. Sabemos que o vereador Pablo tem suas razões, temos que acompanhar de perto, são 20 anos que a Embasa tem contrato com a Prefeitura e deixa muito a desejar. Imagino a trabalheira que tem a Secretaria de Desenvolvimento Urbano para tapar a buraqueira”.

Em seguida, o edil questionou como é despejado os dejetos dos empreendimentos do Minha Casa, Minha Vida na região do bairro da Conceição e Santo Antonio dos Prazeres, uma vez que a extensão da rede de esgoto não foi ampliada.

Retomando a palavra, Correia Zezito afirmou que também já chamou atenção para o problema do despejo de dejetos de esgotos domésticos no bairro do Sim, mas não obteve resposta da Embasa.

Correia ressaltou que tem dado contribuição para a questão do projeto da Embasa. “Aqui esteve o professor Everaldo, da UFBA, que discorreu sobre como podemos fazer a renovação do projeto da Embasa. Mandei um ofício pedindo análise da UEFS em relação ao planejamento desse projeto, e a UEFS me devolveu afirmando que não tinha pessoal suficiente, apenas estagiários, que não poderia mandar em tempo hábil, mas enviei ao prefeito e à Secretaria de Planejamento”, informou.

O vereador recomendou aos seus pares que tenham muito cuidado na análise do projeto que trata sobre o contrato da Prefeitura com a Embasa, para que a comunidade de Feira de Santana não fique prejudicada.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br