Seminário em Feira de Santana debate construção de uma cidade mais criativa

Cartaz do Seminário 'Feira Cidade Criativa'.

Cartaz do seminário ‘Feira Cidade Criativa’.

Criatividade, inovação, sustentabilidade e tecnologia. Esses e outros elementos são necessários para construção de um conceito que cada dia mais se apresenta como uma solução econômica e cultural para o desenvolvimento dos municípios, serão debatidos durante o Seminário Feira Cidade Criativa. Com. O evento ocorre sábado (16/04/2016), a partir das 9h, no teatro da Câmara de Dirigentes Lojistas, em Feira de Santana.

O seminário pretende promover intercâmbio de experiências entre estudiosos nacionais e internacional que tem se destacado no desenvolvimento de projetos que possuem como base o conceito de Cidade e Economia Criativa em todo mundo, como a mestre em Administração e doutora em Economia, Ana Carla Fonseca; Alejandro Castañé, diretor do projeto Sampa Criativa; Paulo Miguez, vice-reitor da UFBA e o jovem Ronaldo Tenório, criador do Hand Talk, maior aplicativo social do mundo – eleito pela ONU. O contraponto local nas mesas de debate será feito pelo ex-vereador, Angelo Almeida; o empresário, Edson Piaggio; o diretor do SEBRAE, Isailton Reis e representantes do movimento cultural, Feira Coletivo. O presidente da Fundação João Mangabeira e ex-governador do Espirito Santo, Renato Casagrande, também estará presente no evento.

“Entre os nossos objetivos está o de socializar conhecimentos sobre Economia Criativa e seus desdobramentos para o conceito de uma Cidade Criativa, observando a realidade local. Através dessa troca de experiências podemos fornecer subsídios para a elaboração de um projeto de desenvolvimento para a cidade de Feira de Santana baseado na inovação, na criatividade, na cultura e na sustentabilidade”, explica Domingos Leonelli, presidente do Instituto Pensar, realizador do evento, que atualmente está coordenando a elaboração do planejamento estratégico da economia criativa do governo do estado de São Paulo.

Para Angelo Almeida, um dos coordenadores do seminário, o momento é propício para o debate. “Todas as visões otimistas sobre o momento econômico que vivemos em nosso país apontam a criatividade como caminho para vencer a crise. Durante o seminário teremos a chance de não só discutir essas ações emergenciais, mas a construção efetiva de alternativas que podem transformar o dia a dia da cidade sob os mais diversos pontos de vista como cultural, social e econômico”.

As inscrições podem ser feitas a partir do dia 05 de abril no balcão da Prime, no Shopping Boulevard e através de estudantes cadastrados nas faculdades e universidades locais. O custo do ingresso é de R$ 40,00, sendo R$ 20,00 meia-entrada.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br