No Dia da Terra, secretário-geral da ONU diz que preservação do planeta depende da população

Ban Ki-moon, Secretário-Geral da ONU.

Ban Ki-moon, Secretário-Geral da ONU.

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas, Ban Ki-moon, disse na sexta-feira (22/04/2016), quando a entidade celebra o Dia da Terra, que é preciso conscientizar a população mundial sobre a preservação do planeta.

O Dia Internacional da Mãe Terra foi criado em 2009 pela ONU. Este ano, o tema é Árvores para a Terra e parte das celebrações inclui o plantio de 7,8 mil milhões de árvores no mundo nos próximos cinco anos.

“Tal como cada árvore desempenha o seu papel na biosfera, também nós, indivíduos, devemos preocupar-nos com o nosso planeta e com todos os seres vivos que o habitam”, disse Ban Ki-moon em comunicado divulgado hoje. A data, segundo o secretário-geral, é “uma oportunidade para sublinhar a interdependência entre as pessoas e a imensa variedade de espécies com as quais partilhamos este planeta.”

Acordo sobre o clima

Na mensagem, Ban Ki-moon destacou que representantes de mais de 170 países se reuniram na sede da ONU, em Nova Iorque, para assinar o Acordo de Paris sobre as Mudanças Climáticas, resultado da 21ª Conferência das Partes da Convenção das Nações Unidas sobre Mudança do Clima.

“Este pacto marcante, em conjunto com a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, tem o poder de transformar o nosso mundo. O impulso alcançado pela concretização de tantas assinaturas num único dia envia um claro sinal de solidariedade e resolução. Agora, temos de libertar toda a força do engenho humano e garantir o crescimento com baixas emissões de gases e melhorar a resiliência ao clima”, destacou.

O secretário-geral da ONU disse que, apesar de a preocupação dos líderes mundiais ser “crucial” para a proteção do planeta, todos os cidadãos têm um papel a desempenhar. “Podemos optar por sistemas de eficiência energética, parar de desperdiçar comida, reduzir a pegada de carbono e aumentar os investimentos sustentáveis. Pequenas ações, multiplicadas por mil milhões, incentivam uma mudança dramática, reforçando o Acordo de Paris e colocando-nos numa trajetória para alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”, disse.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br