Micareta 2016 – Feira de Santana: vereador defende mudança do local do circuito da festa

David Evangelista Leite Neto defende realização da Micareta na avenida Nóide Cerqueira.

David Evangelista Leite Neto defende realização da Micareta na avenida Nóide Cerqueira.

A Micareta de Feira de Santana foi tema também de discurso do vereador David Neto (DEM), na manhã desta terça-feira (26/04/2016), na tribuna da Casa da Cidadania.  Ele aproveitou o ensejo para sugerir a mudança da festa momesca da avenida Getúlio Vargas para a avenida Nóide Cerqueira, a partir do próximo ano.

“Já fizemos proposta, sugerimos um estudo de viabilidade para que a Micareta fosse transferida para a avenida Nóide Cerqueira, é uma imensa pista, dava muito bem para colocar, instalar o circuito Maneca Ferreira na Nóide. Está na hora de resolver isso. Quero pensar que a próxima Micareta já será nesta avenida”, anseia.

Em aparte, o vereador Roque Pereira (DEM) apresentou outra sugestão para as próximas Micaretas. “Não é a mudança do local, mas a data. A data é terrível, abril para maio, normalmente, as escolas funcionam e os trabalhadores estão de serviço. A festa já foi na Getúlio Vargas, não adianta mudar, se for transferida para a Nóide, vai criar o mesmo problema”, afirmou.

Em sua opinião, a realização do evento no mês de janeiro seria mais viável, uma vez que, segundo o vereador, por ser um período de férias, atrairia os turistas que vêm para a capital baiana e outras cidades turísticas circunvizinhas.  Na oportunidade, Roque Pereira criticou o funcionamento do comércio durante a festa momesca. “Não se faz festa com comércio aberto, mas aqui fecha para o Carnaval, mas fica aberto na Micareta”.

Retomando a palavra, David Neto continuou defendendo a Micareta na Nóide Cerqueira “O circuito na Presidente Dutra não tem condições, comerciantes estão tomando prejuízo, o trânsito horrível, pessoas que  estão passando por Feira demoram uma hora. Acho viável transferir o circuito para a Nóide. Quando a Nóide encher de comércio vai haver outra avenida”, acredita.

Em aparte, o vereador Justiniano França (DEM) disse que a questão da falta de segurança seria um empecilho para que a sugestão de David Neto fosse colocada em prática. “Na Nóide Cerqueira o problema é que a segurança fica muito difícil, em virtude dos terrenos vazios. Porque, realmente, hoje a segurança é o mais importante, além de outros aspectos, mas acho que a segurança é de fundamental importância”, avalia.

Em aparte, o vereador Edvaldo Lima (PP) voltou a sugerir a realização da Micareta no Parque de Exposição João Martins da Silva. “O senhor só traz hoje que deveria fazer a mudança da Micareta. Este vereador passou o ano inteiro dizendo para mudar para o Parque de Exposições, mas faltando meia hora para começar o evento, o senhor diz isso. Peço que o senhor comece a unir as forças com o vereador Edvaldo Lima, para que a Micareta possa estar no Parque de Exposições. Não precisa muito, apenas um trio dá para resolver o problema”, disse.

Mais uma vez com o uso da palavra, David respondeu ao colega Edvaldo: “esta Casa vem discutindo antes de Vossa Excelência chegar e, depois que o senhor chegou, discutimos muitas e muitas vezes, mas eles alegam como disse Justiniano a questão da segurança. Estavam dizendo que seu Governo não iria liberar a Polícia Militar para dar segurança, caso a festa fosse na Nóide. Queremos que faça o isolamento, vamos relembrar novamente, vamos continuar pedindo”.

Em aparte, o vereador Beldes Ramos (PT) defendeu o Governo do Estado. “Quero dizer que este ano o Governo do Estado vai mandar 11 mil policiais, o dobro do ano passado. A questão da segurança tem sido elogiada e parabenizada, inclusive pela imprensa. O Governo nunca deixaria de atender”, afirmou.

Solicitação para o bairro Pampalona

Mudando o foco, o vereador David Neto, após comentar o discurso do vereador Ronny (PHS) a respeito da inauguração de uma creche no distrito de Maria Quitéria, pediu que o Governo do Município não se esqueça do bairro Pampalona.

“Há poucos instantes o nosso presidente falou da inauguração da creche em Maria Quitéria, um distrito com grande porte precisa ter uma creche, mas espero que olhe com bons olhos o bairro da Pampalona, que abraça ali o Parque Sevilha e tem uma porção de pessoas carentes que não têm como deixar seus filhos, precisam de uma creche digna”, reivindicou.

Campanha de vacinação

Ainda no uso da tribuna, o vereador David Neto falou sobre a campanha de vacinação contra a gripe H1N1, criticando a inclusão dos detentos no público-alvo.

“Sobre a vacina, fico observando o Governo Federal libera a vacina para gestantes, o que é mais do que justo; pessoas com necessidades especiais e para idosos, o que também é mais do que justo, no entanto, libera para o presidiário, mas o cidadão de bem que paga seus impostos não tem direito, não tem acesso a essa vacina, a não ser se tiver condições de pagar mais de R$ 100,00 para tomar a vacina na rede privada”, queixou-se.

Para o edil, as vacinas deveriam ser uma prioridade do Governo Federal.    “Este Governo, que faz transposição falida do rio São Francisco, quantos milhões não foram desviados? Por que não transformou esse valor em vacina? Infelizmente, o cidadão precisa ter recursos ou um cartão de crédito, para tomar a vacina, se prevenir e não pegar essa doença”, pontuou.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br