Governo da Bahia divulga obras de autores baianos que serão usadas na alfabetização das crianças

Aluna do Colégio Vale dos Lagos segura livros paradidáticos.

Aluna do Colégio Vale dos Lagos segura livros paradidáticos.

Personagens singulares, que aproximam as crianças da cultura regional e geram identificação do leitor com a obra, compõem os livros ilustrados de literatura infantil dos 21 autores baianos vencedores do edital 01/2015, cujo resultado foi divulgado pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia. Estas obras serão utilizadas no processo de alfabetização, com letramento, das crianças das redes estadual e municipais da Bahia. Ao todo, 882 mil exemplares dos livros infantis serão distribuídos em 412 municípios parceiros do programa Educar para Transformar, cuja meta principal é alfabetizar todas as crianças com até oito anos de idade.

Os autores vencedores se destacaram entre 87 inscritos, que contou com crianças e autores de diversas regiões do Estado. Eduardo Oliveira Miranda, autor do livro ‘Ariele e os encantos do Ijexá’, relata que a inspiração veio da sua pesquisa de mestrado sobre uma manifestação cultural no município de Feira de Santana. “Percebi que a participação das crianças é muito ativa nessa manifestação. O livro é uma forma de contribuir para a valorização da autoestima da criança negra e afrobrasileira”, diz.

Despertada pela leitura do livro ‘O Peixe e o Pássaro’, de Bartolomeu Campos de Queirós, a autora Juliana Silva Santos escreveu ‘O peixe, o pássaro e o segredo do sol’, ambientado na região da Chapada Diamantina. “Fiquei feliz ao saber que as obras vão chegar às crianças. Isso faz eu me sentir com cada uma delas. Acredito que a literatura está para além da alfabetização, ela é parte da humanização do ser humano”, afirma Juliana que já pensa numa segunda obra infantil inspirada na linguagem dos animais.

Quadrinista há 28 anos, Danilo Sérgio Campos acumula experiência no envolvimento de narrativa infantil. Além de escrever a história, Danilo também fez a ilustração da obra ‘Alvinho’, livro que conta a história de uma criança albina. “O livro trata das diferenças na sociedade, com elementos da cultura baiana”, afirma o autor que também atua como arte-educador. “A arte precisa trabalhar em prol da educação. É uma forma de atrair as crianças e envolvê-las na educação e no ensino”.

Edital

O edital de Literatura Infantil de autores baianos é uma parceria da Secretaria da Educação do Estado da Bahia com a Secretaria de Cultura do Estado. As obras inscritas passaram por avaliação de uma comissão composta por doutores, mestres e especialistas com experiência em seleção de material didático para o trabalho com crianças, que avaliou e emitiu parecer com recomendação de ajustes, para assegurar a possibilidade de integração do material dentro da proposta pedagógica do programa de alfabetização.

Cada vencedor receberá o prêmio de R$ 10 mil. Os títulos selecionados são referenciados na realidade da Bahia, com linguagem e ilustrações, que criam nas crianças uma identificação, e contribuem para o processo de ensino e de aprendizagem. A previsão é que os livros sejam distribuídos no Ano Letivo 2017.

Veja a lista dos selecionados

Kalypsa Kardinaly Souza Brito – A FADA DIA E O DUENDE MANTE

Priscilla Moreira Gonçalves Rigueira – A SEREIA DO RIO VERMELHO

Danilo Sérgio Campos Dias – ALVINHO

Fábio Brito dos Reis – ANALÚ E AS AVENTURAS NA CASA ENCANTADA

Eduardo Oliveira Miranda – ARIELE E OS ENCANTOS DO IJEXÁ

Janete Lainha Coelho – BRINCANDO E RIMANDO EU ANDO

João Paulo Pinto do Carmo – CACHOS DE DENDÊ – A HISTÓRIA DE UMA MENINA CHAMADA FELIPA

Saulo Matias Dourado – CADA NOME É UMA ESTRELA

Elionária de Araújo Teixeira – CONTO E RECONTO: CASOS E CONTOS

Maria das Graças da Silva Pinho Bittencourt – CURIOZINHO CURIOSINHO

Luciana Rezende Rocha – DONA PASSARINHA E O MENINO

Cristiane Cunha Matos – JUMEU E JUMIETA

Fagna Souza Martins – LEMBRANÇAS DA PEQUENA FAFÁ

Fabiana Jane Alves dos Santos – MAIS DO QUE BRINCADEIRA

Clarissa Bittencourt de Pinho e Braga – MALICA E SUA CANGA

Paulo Henrique Setúbal de Castro – A CURUPIRA E A FLORISTA AMEAÇADA

Juliana Silva Santos – O PEIXE PÁSSARO E O SEGREDO DO SOL

Iana Braga Marques – O POTE DE KAUÊ

Laura Castro de Araújo – PÉ DE PALAVRA

Bruna Roberta Velame Moraes – QUITA EM GRANDE ESTILO

José Antônio Moreno Carvalho – TOMATE, PIMENTÃO E CIA

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br