Governador Rui Costa autoriza Desenbahia a financiar obras em seis municípios

Governador Rui Costa e deputado Marcelo Nilo participam de ato que autorizou empréstimos.

Governador Rui Costa e deputado Marcelo Nilo participam de ato que autorizou empréstimos.

O governador Rui Costa assinou nesta segunda-feira (11/04/2016) autorização para a Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia) firmar contratos de financiamento com seis municípios baianos, no valor total de R$ 63,9 milhões. Os municípios beneficiados são Camaçari, Candeias, Eunápolis, Mucuri, Formosa do Rio Preto, e Sebastião Laranjeiras.

A solenidade aconteceu, a partir das 15 horas, no Salão de Atos da Governadoria no Centro Administrativo da Bahia (CAB) e contou com a participação do secretário de Relações Institucionais do Estado, Josias Gomes, e do presidente da Desenbahia, Otto Alencar Filho.

Também participaram do ato os prefeitos Ademar Delgado das Chagas (Camaçari), Francisco Silva Conceição (Candeias), Demétrio Guerrieri Neto (Eunápolis), Jabes Lustosa Nogueira Júnior (Formosa do Rio Preto), Paulo Alexandre Matos Grifo (Mucuri), e Luciana Leão Muniz (Sebastião Laranjeiras), além dos deputados estaduais Marcelo Nilo – presidente da Assembléia Legislativa da Bahia (Alba) -, pastor sargento Isidório, Marquinhos Viana, Robério Oliveira, Bira Corôa, das deputadas Ivana Bastos e Fabíola Mansur, secretários municipais, vereadores, e diversas outras autoridades.

O governador Rui Costa elogiou a atuação da Desenbahia, destacando que a agência de fomento anteriormente trabalhava com um percentual de 12% da receita líquida, mas que depois de estudos a taxa foi baixada para 6% da receita líquida anual dos municípios. “Isso permitiu alocar os recursos para um maior número de municípios, além de diminuir o risco de inadimplência tanto das cidades conveniadas como também da própria Desenbahia. E essa fórmula deu e vem dando excelentes resultados”, destacou o governador Rui Costa.

Já o presidente da Desenbahia falou da importância dessa linha de crédito. “Ela destina-se, prioritariamente, a financiar obras de infraestrutura como drenagem, saneamento básico e pavimentação de ruas e avenidas, além de mercados e colégios. Em 2015 investimos mais de R$ 87 milhões e a previsão para este ano é de R$ 200 milhões, dos quais já destinamos hoje R$ 63,9 milhões”, explicou Otto Alencar Filho.

Cidades beneficiadas – O município de Camaçari obteve o maior empréstimo, no valor de R$ 27 milhões, para viabilizar obras de pavimentação e drenagem em 176 ruas, na sede e também na orla marítima. A cidade de Candeias receberá R$15 milhões para viabilizar obras de intervenção física nas principais rodovias que passam pelo município.

Já Eunápolis terá recursos no valor de R$12,6 milhões para a construção de duas feiras livres, uma no bairro Pequi – o mais populoso do município – e a outra no bairro Juca Rosa, ambas na sede, e do Colégio Arnaldo Guerrieri, no bairro Dinah Borges, e Colégio Rotary 3, no bairro Moisés Reis, ambos com 16 salas de aulas cada.

O município de Mucuri obteve empréstimo no valor de R$5,6 milhões para aplicar em obras de infraestrutura, a exemplo de pavimentação de 40 ruas e avenidas na sede municipal e também no distrito de Itabatã, com população de 24 mil habitantes e o maior do município, que possui população de 42 mil habitantes.

Para Sebastião Laranjeiras foi destinado R$1,9 milhão para obras de pavimentação de ruas no bairro Santo Antônio, no distrito rural de Mandiroba, e no povoado de Mato Grosso, beneficiando mais de 3 mil pessoas.

E Formosa do Rio Preto obteve recursos no valor de R$1,5 milhão para obras de pavimentação e drenagem em logradouros públicos e em 6 ruas do Bairro Projeto, onde vivem cerca de 3 mil pessoas.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br