Feira de Santana: deputado José de Arimateia participa da sessão especial do ‘Dia da Consciência’

Em Feira de Santana, 'Dia da Consciência Jovem' é marcada por palestras, música e dança.

Em Feira de Santana, ‘Dia da Consciência Jovem’ é marcada por palestras, música e dança.

Por iniciativa do edil Eli Ribeiro, a Câmara Municipal de Feira de Santana comemorou na noite da sexta-feira (15/04/2016), mediante sessão especial, o Dia da Consciência Jovem. O evento foi conduzido pelo 1º vice-presidente da Casa, vereador Roque Pereira, que compôs a mesa de honra juntamente com o pastor Alef Santos da Silva, líder da Força Jovem de Feira de Santana; o presbítero Danilo Guerra, coordenador setorial de Jovem da Assembleia de Deus de Feira de Santana; deputado estadual José de Arimatéia; além do secretário municipal de Serviços Públicos, Ícaro Ivvin, representando o prefeito José Ronaldo de Carvalho.

Após saudar os presentes, o vereador Eli Ribeiro  declarou que sem juventude não há futuro. “Falar de jovem é falar de futuro, é falar de uma força que só mesmo quem é jovem é que tem. Vocês, jovens, são o futuro do nosso país”.

Ele disse também que o papel da juventude na política é de extrema importância para transformação da sociedade e, em seguida, fez referência à votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff.  “Estamos vendo aí agora o que vai acontecer domingo em nosso país, e nós temos percebido que os jovens não têm se interessado muito pela política, não têm se voltado para esta parte importante que é a política em nosso país. Por isso, jovens, este dia é de vocês e que a consciência de vocês possa ser mudada pelo poder de Deus, para que vocês possam ter um futuro promissor”.

Na oportunidade, Eli Ribeiro lamentou o aumento do tráfico e uso de drogas e a violência contra jovens. “Nossa juventude está sendo ceifada pelas drogas, as drogas têm acabado com a nossa juventude. Por isso, este dia é importante para vocês”, findou o edil, desejando bênçãos Divinas para todos que se fizeram presentes ao evento.

O pastor Alef Santos da Silva iniciou sua explanação ressaltando alguns pontos negativos e positivos da juventude na sociedade contemporânea. Ele observa que muitos jovens estão “se acabando” por envolvimento com o crime, em especial o tráfico de drogas, e que são crescentes os casos de suicídio juvenil, bem como o desinteresse desse público pelos estudos e pela política. “São jovens que não acreditam mais no seu futuro. O que muitos jovens aprendem aí fora é ostentar, é traficar, é usar drogas e, infelizmente, isso acaba o nosso amanhã”, lamentou.

Em seguida, o palestrante falou sobre os jovens que sonham e levam uma vida saudável, citando o trabalho realizado pela Força Jovem da Igreja Universal do Reino de Deus, que tem a finalidade de alcançar a juventude que se encontra perdida nas drogas, na criminalidade, sem perspectiva de vida. O pastor Alef disse que o grupo desenvolve diversas atividades culturais, sociais, esportivas e espirituais. “Enquanto a Força Jovem existir em Feira de Santana nós vamos influenciar o jovem a sonhar”, afirmou.

O segundo palestrante da noite, o presbítero Danilo Guerra, iniciou seu pronunciamento citando uma passagem bíblica. “Não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento”.  Ele também chamou a atenção para a importância do jovem como agente transformador da sociedade e semeador da cultura de paz.

“A gente olha para esta galeria e vê muita gente transformada, nós fomos transformados e agora temos a missão de transformar. A sociedade não pode ser a mesma, simplesmente, porque a gente está nela, a nossa presença neste mundo não é para nos adaptarmos ao sistema que é perverso, que é sangue suga, que veio para destruir as vidas das pessoas; a nossa presença neste mundo é para sermos comunicadores da esperança e semeadores de paz num tempo onde a inversão de valores ganha corpo e forma”, ressaltou.

 Danilo Guerra acrescentou: “inclusive, na opinião pública torna-se imprescindível que a juventude se levante, fale a linguagem do amor e se coloque à disposição para lutar em defesa da vida, da paz, da harmonia e da seriedade. A juventude tem a força que o mundo precisa, tem o vigor que a sociedade precisa, nós somos a esperança da nação, o futuro deste Brasil, não podemos permanecer na indiferença. Nós somos a força jovem que Feira de Santana precisa para conhecer a vida, para conhecer a Cristo”, disse.

 Ele parabenizou a iniciativa das instituições religiosas e do Legislativo feirense em valorizar a juventude, e destacou que o edil Eli Ribeiro é autor da lei municipal de nº 111/2013, que instituiu o Dia da Consciência Jovem em Feira de Santana, visando à formação de um senso crítico e o desencadeamento de atitudes transformadoras em prol do bem comum.

 O secretário municipal de Serviços Públicos, Ícaro Ivvin, disse que é um motivo de orgulho e honra ver jovens cristãos, como ele, palestrando em prol da melhoria da qualidade de vida da juventude. Na sequência, afirmou que o “futuro começa agora” e, por conta disso, os jovens precisam, desde já, ter uma participação mais ativa na sociedade.

 “Hoje à noite a reflexão que eu convido a cada um de vocês é: o que vamos fazer do nosso presente? Não é do nosso futuro. Nós estamos à beira de uma decisão política importante, nós vivemos uma sociedade permeada por sofrimento, por violência, por drogas, e a pergunta é: o que eu vou fazer diante disso tudo? O que você pode fazer diante disso tudo? Quando tomamos a consciência de que todos os dias acordamos com a missão de fazer a vida do outro diferente e a nossa própria vida diferente, nós começamos a descobrir o potencial do jovem, porque falar de jovem é muito comum se falar de sonhos, mas por que não falar de jovem falando de realizações?”, indagou.

 Ícaro Ivvin afirmou que logo cedo entendeu que o jovem tem que sonhar sim com o futuro melhor, “mas acreditar que o momento da mudança e de ser protagonista nessa mudança é agora. Eu não preciso esperar o amanhã para construir um futuro melhor, eu não preciso esperar um novo momento para entender o momento da participação do jovem, e eu não preciso acreditar que cada um de vocês vão fazer a diferença amanhã não. Acredito que cada um de vocês já fazem e vão fazer ainda mais a diferença na sociedade feirense, baiana e brasileira hoje”, declarou o secretário, incentivando a juventude e enaltecendo o trabalho da Força Jovem.

 O ex-vereador e deputado estadual, José de Arimateia, externou sua alegria e satisfação em retornar à Casa das Leis para participar de um “momento tão especial”.  Na oportunidade, ele parabenizou a Mesa Diretiva da Casa e a TV Câmara por levar para o mundo, via internet, os acontecimentos de interesse público do Legislativo feirense. Os parabéns foram estendidos ao vereador Eli Ribeiro pela autoria da lei nº 111/2013.

 “Vocês estão hoje aqui porque teve a preocupação do vereador Eli Ribeiro em aprovar esta lei. Se este vereador não tivesse tido esta iniciativa, hoje não estaríamos aqui falando da importância da consciência jovem”, ressaltou.

 Arimatéia também defendeu a participação dos jovens na vida pública da cidade, para colaborarem, sobretudo com as discussões de interesse da coletividade, como saúde, educação, segurança pública, infraestrutura e meio-ambiente.

 O parlamentar disse que a juventude tem se distanciado das discussões importantes e que pouquíssimos jovens participam de movimentos sociais.

“Quando os jovens não participam dos movimentos sociais, não participam das discussões nas Casas Legislativas, o que é que acontecem? Nós temos visto o que está acontecendo aí no país: as discussões políticas, em vez de estarem sendo transmitidas para a coletividade, elas estão se tornando uma coisa perigosa, porque estão querendo levar o Brasil só para um grupo político. E por que isso acontece? Porque falta envolvimento da nova geração”, avalia.

Arimatéia, que também é pastor, fez questão de ressaltar que o primeiro caminho a seguir é o de Deus.  “Tem que saber que   existe o criador do céu e da terra, que existe um Deus que é soberano, que existe um Deus que pode tudo, que existe um Deus que transforma, que existe um Deus que cura, que existe um Deus que faz aquilo que, materialmente falando, as coisas materiais não fazem”.

A sessão especial foi finalizada com a apresentação musical do cantor Josenildo Alves e do grupo de dança Força Jovem.

Prestigiaram também o evento o secretário municipal de Governo, Paulo Aquino; vereadora Gerusa Sampaio; presidente do Conselho Municipal da Juventude, Cristiano Queiroz; secretário geral do Conselho da Juventude, Diego Pimentel; diácono Ieslone dos Santos Silva; pastora Vanessa Pinto Santos; pastora Carolina Reis Amorim de Souza; além de dezenas de jovens do Movimento Força Jovem da Igreja Universal do Reino de Deus, presentes nas galerias.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br