Eleições 2016 – Feira de Santana: vereador alerta para prazo de regularização de título eleitoral

Vereador Roque Pereira do Carmo alerta para prazo de regularização de título eleitoral.

Vereador Roque Pereira do Carmo alerta para prazo de regularização de título eleitoral.

Durante o horário do grande expediente desta segunda-feira (04/04/2016), na Casa da Cidadania, o vereador Roque Pereira (DEM) tratou sobre o prazo para regularização ou confecção de título eleitoral.

“A mídia do TSE vem convocando jovens para tirar o título. Nela, diz que o prazo termina dia 04, mas muita gente foi ao Fórum Eleitoral de Feira de Santana na manhã de hoje para não perder o prazo. Lá tinha cerca de 1500 pessoas na fila, inclusive algumas pessoas dormiram lá com medo de perder o prazo. Porém, o prazo para regularização do título só termina dia 04 de maio. Entendo que nós, políticos de mandato, temos a obrigação de esclarecer isto para a comunidade”, disse Roque.

Complementando sua fala, o democrata tratou sobre o cadastramento biométrico. “Quem está com seu título regularizado não precisa fazer a biometria, pois este método só será utilizado nas eleições de 2018, quando também se encerra o prazo para sua realização”, esclareceu.

Em aparte, o edil Beldes Ramos (PT) afirmou que a biometria pode ser feita agora se o eleitor assim desejar. “Porém, só será exigida nas eleições de 2018. Acho muito importante o primeiro voto, precisamos renovar os políticos e os eleitores. Devemos pedir que as pessoas adiantem a biometria, porque quando estiver próximo ao fim do prazo o TRE ficará superlotado, e se fizerem agora os eleitores terão mais tranquilidade”, aconselhou.

De volta com a palavra, Roque Pereira garantiu que a biometria evita fraude, principalmente em municípios pequenos. “Muitas vezes pessoas já falecidas têm o voto computado, ninguém sabe como isto acontece. A biometria traz tranquilidade e segurança no processo eleitoral. E fica aqui nosso alerta para o fim do prazo: dia 04 de maio”, reafirmou.

Violência

Mudando de foco, o vereador falou sobre o aumento da criminalidade em Feira de Santana. “A criminalidade em Feira de Santana no mês de março cresceu mais de 74%. Já disse aqui, na semana passada, que houve reunião da Secretaria de Segurança Pública com a Polícia Militar e Civil para traçar estratégias de combate à violência, e conseguiram, mas precisa reduzir mais. Porém, esta violência chegou na zona rural. Semana passada, dois ônibus escolares de Ipuaçu foram assaltados e depois vans”, relatou.

Ainda segundo Roque, os policiais intensificaram o policiamento na zona urbana e os bandidos estão migrando para zona rural. “Apertaram o cerco na cidade, mas precisam apertar também na zona rural, porque os bandidos estão correndo para lá”, pontuou.

Em aparte, o vereador Tonhe Branco (PHS) contou que, na manhã do último domingo (03), homens em um veículo estavam praticando assalto, às 8 horas, no distrito de Humildes.

De volta com a palavra, Roque afirmou que cabe aos parlamentares do Congresso a reformularem as leis. “Nosso Código Penal está frágil, assim como a segurança pública. Na Bahia se abastece viaturas para rodar 24 horas com apenas 20 litros de gasolina, sem contar com o contingente  que caiu bastante, pois alguns estão se aposentando e o Governo do Estado não está fazendo novas contratações”, finalizou.

Sobre o autor

Redação
O Jornal Grande Bahia é um portal de notícias com sede em Feira de Santana. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br